Arena Palestra já tem modelo de camarote pronto e espera contrutora para venda

Outras áreas do anel de camarotes, que ficará entre as arquibancadas inferiores e superiores, já têm seu espaço definido

Gazeta |

Ainda falta mais de um ano para o Palestra Itália voltar a ficar apto a receber jogos, mas a venda de camarotes deve começar em breve. Já está pronto um camarote que servirá como modelo para os cerca de 250 que estarão no estádio. Basta, para isso, a aprovação de Walter Torre Junior, dono da construtora WTORRE, empresa responsável pela reforma.

E MAIS: Polêmica de Inter x Palmeiras não é inédita no futebol. Relembre outros casos

A WTORRE ainda não permite a divulgação de nenhuma imagem do local, nem mesmo do vidro colocado à sua frente e que será mantido para a visualização do campo quando a Arena estiver pronta. 

CONFIRA: Palmeiras diz ter vídeo que complica o árbitro da partida no Beira-Rio

Em sua porta, com o número 98, há uma foto toda em verde e branco de Marcos com as duas mãos no peito. A imagem cobre até a porta. Na parte de dentro, segundo relatos, há uma televisão, mesas, bancos, pia, tudo com estilo arrojado e chique, segundo a construtora.

Veja fotos das obras na Arena Palestra :

O camarote que deve servir como modelo ainda será visitado por Walter Torre Júnior e se localiza exatamente na metade do campo. O cômodo foi montado de acordo com o orçamento repassado pela construtora, que estabeleceu acordo de 30 anos com o clube para financiar a reforma do Palestra Itália.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Outras áreas do anel de camarotes, que ficará entre as arquibancadas inferiores e superiores, já têm seu espaço definido. Atrás de um dos gols, existem espaços maiores nos quais estão previstas a instalação de bares e outros estabelecimentos com "lounge".

Os dois anéis de arquibancadas também estão em estágio avançado. A parte de cima dá uma perspectiva inédita no estádio, por ser bem mais alta do que o normal. Já o setor de baixo precisa que acabe a instalação de quatro treliças da cobertura do estádio para ser concluída, o que deve ocorrer em maio.

VEJA:  CBF coloca asterisco na tabela de classificação, mas mantém vitória do Inter

Uma das partes mais atrasadas da obra é a arquibancada da avenida Matarazzo, que não pôde ser demolida por falta de alvará. Novas arquibancadas são construídas em cima da estrutura antiga, que foi reforçada com mais quatro pilares para aumentar a segurança. A promessa dos construtores é de que o local não tremerá mais, independentemente de estar lotado, como ocorria no velho Palestra Itália.

As arquibancadas da avenida Matarazzo devem ser destinadas às torcidas organizadas. Foi definido que serão colocadas no local cadeiras removíveis, diferentemente do resto do estádio. A decisão foi tomada também porque a área terá degraus mais espaçados e receberá mesas em shows com menor público.

Toda a reforma do Palestra Itália custará cerca de R$ 400 milhões à WTORRE. A previsão de entrega do estádio, em reforma há mais de dois anos, é no fim de novembro de 2013, mesmo se o Palmeiras estiver disputando a segunda divisão do Campeonato Brasileiro.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: PalmeirasArena Palestra

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG