Vídeo que mostra ajuda externa a juiz é nova arma do Palmeiras em 'caso Barcos'

Diretor jurídico do clube alega ter vídeo que mostra árbitro Francisco Carlos Nascimento pedindo detalhes a um jornalista sobre o polêmico gol de mão do atacante argentino

iG São Paulo * |

A novela envolvendo o polêmico gol de mão do atacante Barcos , durante a derrota sofrida pelo Palmeiras por 2 a 1 no último sábado, ganhou mais um capítulo. O vice-presidente jurídico alviverde, Piraci de Oliveira, revelou nesta quarta-feira que o clube possui um vídeo que mostra o árbitro Francisco Carlos Nascimento pedindo detalhes sobre o lance a um jornalista, algo ilegal de acordo com o cartola palmeirense.

O Palmeiras tem razão em entrar na Justiça para pedir a anulação do jogo contra o Internacional? Dê sua opinião

"Quando o árbitro dá o gol, e é cercado pelos jogadores do Palmeiras, ele diz ’veja aí, veja aí’ para alguém que está fora do campo. Ele pergunta para um jornalista, que então comunica ao quarto árbitro e é avisado por alguém de fora, aí há problema. Ele sabia que não poderia ter informação externa", disse à "Rádio Estadão/ESPN".

Veja também: Vitória do Inter contra o Palmeiras é suspensa até julgamento no STJD

O dirigente ainda se disse esperançoso com o anulamento do jogo, cujo julgamento ele revelou que deve ser realizado até o próximo dia 22. "Lá estaremos com todas as nossas provas. Estamos confiantes, colhendo algumas informações e decidindo qual vai ser a estratégia. Há essa massa de informação nova, e realmente acredito que a tese seja boa", explicou.

Leia também: Presidente do STJD quer decisão rápida sobre anulação de jogo do Palmeiras

Curiosamente, Piraci afirmou não acreditar que o resultado do julgamento seja determinante para a permanência ou não do Palmeiras na Série A do Campeonato Brasileiro. "Na minha opinião, o time não vai cair. Vamos vencer os próximos jogos", disse.

Leia ainda: Barcos aponta sacanagem dos árbitros e diz que "dá vontade de matar todos"

O Palmeiras é o 18° colocado do Brasileirão, com 32 pontos, cinco a menos do que o Bahia, primeira equipe fora da zona de rebaixamento.

* Com Gazeta Esportiva

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG