A escolha de Ney Franco, porém, será feita com base no rendimento apresentado pelos atletas ao longo da última semana

Osvaldo vive boa fase no São Paulo
Gazeta Press
Osvaldo vive boa fase no São Paulo

A nova lesão sofrida por Luis Fabiano manteve a dúvida de Ney Franco no ataque são-paulino. Os treinamentos desta segunda-feira não deram pistas sobre quem será o responsável por assumir o posto deixado pelo centroavante e adiaram para a próxima terça a definição da equipe. Entretanto, o atacante Osvaldo acredita que o jovem Ademilson saiu à frente dos demais postulantes a uma vaga entre os titulares do setor ofensivo.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A briga pela posição estará mais uma vez restrita a Willian José, Cícero e o próprio Ademilson. O retorno de Jadson ao meio-campo tricolor deverá levar Maicon ao banco de reservas e contribuir para que o esquema com três atacantes volte a ser utilizado. Neste caso, a formação adotada por Ney Franco poderá ser parecida com a que conquistou um empate por 0 a 0 com a LDU de Loja, na última quarta-feira, no Morumbi.

Mesmo com a escassez de gols presenciada pela torcida, Osvaldo entende que o camisa 11 do São Paulo mostrou que tem condições de assumir o lugar deixado na equipe principal. “A atuação do Ademilson contra a LDU foi realmente muito boa. Eu ainda não sei quem será o substituto do Luis Fabiano, mas, se o Ney Franco optar por ele, nós vamos nos entrosar rápido para conquistar o resultado lá fora”, disse o atleta, sem se importar com uma provável alteração no esquema tático.

Leia mais:  Luis Fabiano e Paulo Miranda são vetados do jogo de ida da Sul-Americana

“É claro que é importante ter um jogador como uma referência na área. A gente chega à linha de fundo e vê um atacante alto para poder cruzar a bola. Isso facilita muito para mim e para o Lucas. Mas com três homens rápidos também é muito bom para a gente poder jogar. Eu vou deixar para o Ney Franco ver o que é melhor e decidir quem merece entrar no time”, acrescentou.

Recuperado de dores musculares sentidas antes da goleada por 4 a 2 sobre o Sport, no último sábado, na Ilha do Retiro, Osvaldo treino separadamente do elenco nesta segunda-feira e assistiu de longe aos seus prováveis companheiros de ataque terem um rendimento aquém do esperado na atividade em campo reduzido. Willian José, por exemplo, perdeu um gol cara a cara com Denis e arrancou risadas dos demais atletas que estavam em campo.

Veja também:  Show da Lady Gaga faz São Paulo transferir decisão para o Pacaembu

A escolha de Ney Franco, porém, será feita com base no rendimento apresentado pelos atletas ao longo da última semana. O time viajará cedo nesta terça-feira para Santiago, onde enfrentará a Universidad de Chile, na próxima quarta-feira, e terá a sua escalação definida pelo treinador durante a concentração que antecederá a primeira partida das quartas de final da Copa Sul-americana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.