"El Pibe de Oro" viveu seu melhor momento durante a década de 1980, quando brilhou pelo Napoli e levou a Argentina ao título da Copa 1986

Diego Armando Maradona, astro argentino do futebol
Ansa
Diego Armando Maradona, astro argentino do futebol

Um dos maiores jogadores da história do futebol, o argentino Diego Maradona completa 57 anos de idade neste dia 30 de outubro. Conhecido como “El Pibe de Oro” (“o garoto de ouro”), estreou pela seleção do seu país em 1977. Ficou de fora da Copa do Mundo de 1978, mas participou das quatro seguintes e brilhou na conquista do Mundial em 1986.

Leia também: Infeliz, Neymar está arrependido de ter trocado o Barcelona pelo PSG

Revelado pelo Argentinos Juniors, Maradona defendeu o Boca Juniors antes de se transferir para o Barcelona em 1982. Dois anos depois, foi para o Napoli, onde viveu seu melhor momento na carreira. Sua trajetória profissional inclui ainda passagens por Sevilla, Newell’s Old Boys e o retorno ao Boca Juniors, antes de se aposentar em 1997.

Confira fotos do craque argentino:

Mas não foram apenas os lances de genialidade com a bola nos pés que marcaram a sua carreira no futebol. O envolvimento com as drogas teve início nos tempos em que jogava no Barcelona e o acompanhou até o fim da trajetória profissional.

Leia também: Grupo pró-Estado Islâmico usa Messi e Neymar em nova ameaça à Copa de 2018

Confira sua transformação física:

Os problemas tiveram sequência mesmo depois que largou os campos. Em 2004, sofreu uma overdose de cocaína e correu risco de morte. Conseguiu se recuperar e, depois de um período em que trabalhou como apresentador de um programa de televisão, virou técnico. Em 2010, foi ele o comandante da seleção argentina na Copa do Mundo da África do Sul.

Leia também: Girona surpreende e vence o Real Madrid em 1º jogo entre os times na história

Passado o Mundial, deixou o cargo. Em 2011, assumiu o Al Wasl, dos Emirados Árabes, sendo demitido em 2012, não conseguindo ganhar títulos pelo time, mas colecionou momentos marcantes durante sua passagem, que incluem demonstrações de habilidade com bola, dancinhas, cambalhotas e até agressões.

Veja abaixo alguns destes momentos

Depois de ficar cinco anos sem trabalhar, Maradona voltou a ser técnico de futebol neste ano de 2017, assumindo o comando do Al-Fujairah, também dos Emirados Árabes Unidos. 

Clique e baixe o 365Scores para ter resultados, dados, notícias, tempo real, vídeos e muito mais


    Leia tudo sobre: Futebol
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.