Holandês Gullit defende ida de Neymar a Europa como treino para Copa do Mundo

"É um jovem, com talento, que pode ser como Messi e Cristiano Ronaldo. Gostaria de vê-lo na Europa" disse o ex-jogador

Gazeta |

Getty Images
Gullit é dos um maiores jogadores da história da Holanda

O ex-jogador holandês Ruud Gullit é favorável à transferência do atacante Neymar para o futebol europeu. Em participação no programa Mesa Redonda, da TV Gazeta, ele disse que o jogador do Santos poderá atingir o status de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, de Barcelona e Real Madrid respectivamente, se atuar no Velho Continente.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Conheço tudo de Neymar. Ou melhor, não tudo", sorriu, lembrando que saberia mais caso o jogador não estivesse no futebol brasileiro. "Mas ele é bem visto na Europa. Assisti ao jogo do Santos com o Barcelona, e estava muito difícil para Neymar aparecer ali. Ainda assim, é um jovem, com talento, que pode ser como Messi e Cristiano Ronaldo. Gostaria de vê-lo na Europa", avisou, referindo-se à final do Mundial de Clubes do ano passado.

Gullit, que atuou na Holanda (por Haarlem, Feyenoord e PSV Eindhoven), na Itália (Milan e Sampdoria) e Inglaterra (Chelsea) quando era atleta, até apontou possíveis destinos para Neymar. "Um país latino seria melhor: Espanha ou Itália. Creio que a saída dele seria boa para se preparar para a Copa do Mundo", analisou.De acordo com o holandês, os jogadores brasileiros que atuam na Europa mudam seus estilos. "Eles são mais rápidos lá, até porque a temperatura é mais fria. Não dá para correr tanto no calor do Brasil", comparou, enaltecendo os atletas sul-americanos. "O jogador brasileiro tem muito controle sobre a bola. Isso não vai mudar nunca."

Como citou Messi e Cristiano Ronaldo, Ruud Gullit aproveitou para apontar aquele que considera melhor entre os dois. "O Messi é um fenômeno, assim como o Ronaldo. Creio que a sua vantagem é conhecer a mentalidade espanhola, a Catalunha, a tática do Barcelona. Ele é muito rápido e bom tecnicamente, além de jogar com atletas que sabem atuar no 4-3-3. Quando Messi está na seleção argentina, tem um pouco mais de dificuldades. É outro sistema, outra cultura. Isso até melhorou um pouco agora", ponderou.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: RuudGullitNeymarMessiCristiano Ronaldofutebol mundial

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG