"É um orgulho se aproximar da marca de gols de Pelé", diz Messi

Atacante do Barcelona e da seleção argentina recebeu a Chuteira de Ouro nesta segunda e está a apenas dois gols da marca de Pelé em um ano

AFP |

AFP

EFE
Messi exibe troféu Chuteira de ouro

O craque argentino Lionel Messi, que recebeu nesta segunda-feira a Chuteira de Ouro, disse que se sente orgulhoso por estar a apenas dois gols da melhor marca de Pelé em um ano.

Messi merece a bola de ouro da Fifa novamente? Opine!

"É um orgulho para mim estar tão perto dos números desta pessoa que é tão importante para a história do futebol. Nunca tive como objetivo ganhar prêmios individuais. Estar tão perto do nível de estatísticas de Pelé é algo é maravilhoso, mas são apenas estatísticas", afirmou o argentino.

Leia mais: Recordista, Messi recebe troféu de maior artilheiro da Europa

Messi foi premiado com a Chuteira de Ouro, que recompensa concedida ao artilheiro absoluto de todos os campeonatos europeus, por ter feito 50 gols com o Barcelona na última edição da Liga Espanhola.No sábado, ele balançou as redes duas vezes na goleada de 5 a 0 do Barça sobre o Rayo Vallecano, e soma 73 gols em 2012, dois a menos do que a melhor marca de Pelé, que fez 75 em 1959.

O artilheiro absoluto em um ano de competição é o alemão Gerd Müller, que em 1972 anotou nada menos de 85 gols com o Bayern Munique e com a seleção alemã ocidental.Os números de Messi impressionam, ainda mais pelo fato de o craque ter apenas 25 anos.

Confira ainda: Fifa divulga lista dos 23 melhores de 2012 com Neymar, o único brasileiro

No sábado, ele superou a marca de 300 gols em partidas oficiais. Na temporada passada, ele já tinha se tornado o artilheiro absoluto do Barcelona.Após receber a Chuteira de Ouro das mãos de Luis Suárez, lendário jogador do Barcelona da década de 50, o argentino voltou a esbanjar modestia e a colocar o espírito coletivo em primeiro lugar. "O que me interessa é ganhar títulos com a minha equipe. Temos a sorte de estarmos bem na Liga dos Campeões, e amanhã (terça-feira) começa a Copa do Rei, isso é o mais importante, eu não brigo por prêmios individuais", explicou o jogador, que sempre foi muito sóbrio nas suas comemorações de gol.

"Só vou mudar a minha forma de comemorar quando meu filho nascer", disse Messi, que será pai pela primeira vez do pequeno Thiago, que deve nascer nos próximos dias.Messi faz parte da lista dos 23 jogadores indicados ao prêmio Bola de Ouro, que foi divulgada nesta segunda-feira pela Fifa e pela revista France Football. O argentino levou os três últimos troféus e faz novamente parte dos favoritos.Os três finalistas da Bola de Ouro serão revelados no dia 29 de novembro em São Paulo, durante o sorteio da Copa das Confederações.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: messibarcelonaespanhafutebol mundial

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG