Com três ex-corintianos na defesa, Roma leva virada da Udinese

Depois de ter aberto 2 a 0 no placar, equipe da capital italiana saiu derrotada por 3 a 2

Gazeta |

AP
Totti lamenta durante derrota da Roma

A Roma sofreu uma derrota incrível em casa, neste domingo. Depois de ter conseguido dois gols de vantagem no placar, a equipe permitiu a virada por 3 a 2 da Udinese, em jogo válido pelo Campeonato Italiano.

O sistema defensivo do time anfitrião foi formado por jogadores conhecidos do torcedor brasileiro. Três ex-corintianos atuaram como titulares: os zagueiros Marquinhos e Leandro Castán e o lateral esquerdo Dodô. Já a lateral direita teve o ex-são-paulino Ivan Piris.

A equipe da capital italiana marcou seu primeiro gol aos 22 minutos da etapa inicial. O meia Lamela superou o goleiro Brkic para colocar a Roma na frente. Apenas dois minutos depois, o mesmo jogador recebeu para ampliar.

Porém, ainda no primeiro tempo, aos 32, Domizzi mandou para as redes e deu início à reação dos visitantes. No início da etapa final, aos cinco, Di Natale empatou o jogo e colocou pressão contra os donos da casa.

NA INGLATERRA:  Manchester United supera Chelsea com gol impedido e cola no rival

A Roma, então, não conseguiu impedir a virada do adversário. Aos 43, Di Natale bateu pênalti e decretou a vitória dos visitantes. Antes do apito final, o time anfitrião ainda teve Tachtsidis expulso.

Com o resultado, a equipe da capital aparece na sexta colocação no Campeonato Italiano, com 14 pontos. Já a Udinese ocupa o oitavo lugar, com 12.

Ainda neste domingo, o Napoli alcançou a vice-liderança do Calcio ao derrotar em casa o Chievo por 1 a 0. Hamsik marcou o único gol da partida, aos 13 minutos do segundo tempo.

Desta forma, a equipe de Nápoles chegou aos 22 pontos, no segundo lugar, com três a menos que a Juventus. O Chievo vive situação complicada na competição, em 18º, com sete.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: romaudineseitáliafutebol mundial

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG