Pressionado, técnico do Milan diz que não sai do clube italiano

"Eu não vou sair. Isto eu posso garantir. Desistir e abandonar as coisas não faz parte da minha filosofia", avisou Massimiliano Allegri

Gazeta |

AFP
Massimiliano Allegri, técnico do Milan

Com péssimos inícios no Campeonato Italiano e na Liga dos Campeões da Europa, o Milan, que está próximo da zona de rebaixamento no primeiro e longe da liderança do Grupo C no segundo, vem sendo muito criticado pelos torcedores, que já pedem a saída do técnico Massimiliano Allegri. Mesmo assim, de acordo com o próprio treinador, isto não acontecerá.

E MAIS: Málaga bate o Milan, segue 100% e dispara na liderança do Grupo C da Liga

"Eu não vou sair. Isto eu posso garantir. Desistir e abandonar as coisas não faz parte da minha filosofia. Eu acredito que o grupo vai se recuperar e dar a volta por cima, mas para isto eu também tenho que ser capaz de lhes transmitir tranquilidade. Nós estamos tendo um imenso azar. Tudo nos acontece", lamentou o comandante.

CONFIRA: Canal de TV diz que Allegri pode ser substituído por Gattuso e Nesta

Desde 2010 no clube italiano, Allegri vive o seu pior momento. No início desta temporada europeia, o próprietário dos rossoneros, Silvio Berlusconi, acabou cedendo às ofertas milionárias do PSG por Ibrahimovic e Thiago Silva, os dois melhores jogadores do time até então. Sem reforços de peso, alguns torcedores milanistas perderam a paciência e falaram até em entrar na justiça contra o clube.

Na modesta 15ª colocação do Calcio, o Milan, que vem de derrota para o Málaga, por 1 a 0 , na Liga dos Campeões, tem compromisso marcado para este sábado, contra o Málaga, no San Siro, em Milão.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: Massimiliano AllegriMilanItáliaFutebol Mundial

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG