Ney Franco "passa borracha" em derrota e já mira nova série invicta

Técnico do São Paulo projeta uma nova sequência de vitórias para assegurar uma vaga na próxima edição da Copa Libertadores

Gazeta |

Após cair a série invicta do São Paulo com a derrota deste domingo para o Flamengo, o técnico Ney Franco tratou de esquecer o jogo no estádio do Engenhão para projetar uma nova sequência nas seis rodadas restantes no Campeonato Brasileiro.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Temos que passar borracha no que aconteceu", disse. "Não podemos jogar tudo por terra por termos perdido para uma grande equipe do futebol brasileiro. Podemos ter de novo uma sequência de vitórias que nos possibilite conseguir a classificação para a Copa Libertadores".

Vipcomm
Técnico Ney Franco quer vaga na Libertadores

O pedido para que o tropeço por 1 a 0 fosse rapidamente esquecido não quer dizer que ele não tenha gostado da atuação de sua equipe. Em alguns momentos, em sua opinião, o São Paulo esteve perto da vitória.

Leia mais:  Ceni vê abalo psicológico coletivo do São Paulo após pênalti perdido

"O jogo foi equilibrado o tempo todo, e nossa equipe deu uma caída, ficou desajustada depois de tomar o gol. Mas foi equilibrado principalmente no primeiro tempo, quando as duas equipes criaram oportunidades, e a nossa bola não entrou", iniciou.

"O segundo tempo foi muito truncado. O gol do Flamengo nem foi trabalhado. Foi uma falta lateral, a batida saiu baixa, e a bola entrou. Enquanto nós tivemos oportunidades reais, e a nossa bola não entrou, não tivemos competência para fazer o gol", completou.

Veja também:  Luis Fabiano sai com dores e promessa de não bater mais pênalti

Garantido no G4, o São Paulo volta a campo pela competição no próximo sábado, diante do Sport, no Recife. Antes, na quarta-feira, faz o jogo de volta das oitavas de final da Copa Sul-americana, contra a LDU de Loja, no Morumbi.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: ney francosão paulo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG