Kleina contém alegria no Palmeiras, mas já quer incomodar rivais

Equipe venceu o Cruzeiro na noite de sábado e segue como primeiro time na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, mas agora está mais perto do Bahia

Gazeta |

Depois de duas vitórias consecutivas, o Palmeiras viu sua distância para o Bahia, primeiro clube fora da zona de rebaixamento, cair para quatro pontos. Restando seis jogos em disputa no Campeonato Brasileiro , os jogadores do time paulista já falam em conseguir a salvação, caso mantenham o ritmo das últimas partidas.

Palmeiras vai conseguir se salvar do rebaixamento? Deixe seu recado

Gazeta Press
Barcos marcou para o Palmeiras na vitória sobre o Cruzeiro pelo Campeonato Brasileiro

Apesar do alívio com a vitória sobre o Cruzeiro , o técnico Gilson Kleina é mais contido. "É um momento de muita felicidade, dá um alívio maior. Mas o que eu falei é que não vamos nos empolgar, temos que viver o hoje, ser feliz hoje, mas pensar no planejamento. Vamos dar um passo de cada vez", completou o comandante.

Veja a classificação atualizada do Campeonato Brasileiro

Primeiro clube dentro da zona de rebaixamento, o Palmeiras considera ser possível lutar por uma vaga na elite do futebol nacional com times que somem até 38 pontos nesta rodada, cinco mais que a própria equipe. Nesta reta final, a força da camisa alviverde é um fator que Kleina espera valer para livrar o clube da Série B.

"O Palmeiras ganhando pressiona os concorrentes que estão na frente, mas desde que a gente continue fazendo nosso papel. Vamos ter que sempre vencer, porque aí você consegue tirar pontos para quem está na sua frente. Vamos continuar nesta toada, seguir vencendo. O que vai definir realmente é a hora que você vai trocar de posição", completou.

Com jogo pela Copa Sul-americana nesta terça-feira, diante do Millonários, o clube não esquece que o foco está no Internacional, rival do próximo sábado, pelo Campeonato Brasileiro. "Vamos focar no Internacional. Os que estão com 36, 37, 38 pontos vão ter que fazer seu serviço. Claro que é muito melhor ter mais gente no bolo", completou o comandante.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: palmeirasbrasileirão 2012rebaixamentoGilson Kleina

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG