Em estádio lotado, Sampaio Correa bate Crac e garante título invicto da Série D

Depois de empatar por 1 a 1 em Goiás, o Sampaio Correa dependia apenas de uma vitória em casa e não decepcionou a fanática torcida

Gazeta |

Jogando para 40 mil pessoas no Castelão, em São Luis, o Sampaio Correa bateu o Crac-GO por 2 a 0 no segundo jogo da final e faturou o título da Série D do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, os maranhenses confirmaram a campanha invicta na competição nacional com 11 vitórias e cinco empates. Depois de empatar por 1 a 1 em Goiás, o Sampaio Correa dependia apenas de uma vitória em casa e não decepcionou a fanática torcida. Os gols foram marcados por Eloir e Pimentinha. 

Pressionando os goianos, o time da casa conseguiu abrir o placar aos 17 minutos, quando Cleitinho cobrou falta na área e Eloir apareceu para testar firme e vencer o goleiro Dudu. Se não segurou a cabeçada, o arqueiro evitou que o Crac saísse para os vestiários em desvantagem ainda maior em lances de Arlindo Maracanã e Wescley.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Mesmo com o placar favorável, o Paio seguiu pressionando em jogadas de Cleitinho, Pimentinha e Wescley. Do lado visitante, a aposta era nos contra-ataques e nas jogadas de bola parada, mas a defesa maranhense estava segura e evitou maiores perigos.

A partida havia equilibrado quando, aos 30 minutos da etapa complementar, o xodó da torcida apareceu para marcar o segundo gol e encaminhar a conquista no Castelão. O experiente Arlindo Maracanã serviu Pimentinha e o atacante saiu da marcação para bater forte e balançar as redes goianas.

O gol desestabilizou os jogadores do Crac e o juiz precisou paralisar a partida para evitar confusões, mas nada que impedisse a conquista do Sampaio Correa. Com o título deste domingo, o Tricolor chega à terceira taça de âmbito nacional, já que faturou a Série B, em 1972, e a Série C, em 1997.

O troféu erguido na década de 1990, inclusive, era o último conquistado de forma invicta entre todas as divisões do País, mas o feito superado justamente pelo Sampaio, que já havia se sagrado tricampeão maranhense nesta temporada.

A campanha invicta nesta edição da Série D começou a ser construída no dia 23 de junho, com vitória por 3 a 1 sobre o Mixto, no Mato Grosso. Nos quatro jogos que teve como mandante na primeira fase, o Paio lotou o pequeno Nhozinho Santos e aumentou ainda mais a já elevada média de público nas oitavas de final.

Depois de empatar por 2 a 2 com o Vilhena em Rondônia, o Tricolor reinaugurou o reformado Castelão e passou a emplacar públicos de 40 mil pessoas nas fases seguintes. Dessa maneira, entre as quatro divisões do Brasil, os maranhenses só ficam atrás, em média de público, de Santa Cruz e Corinthians.

Confira a campanha do título invicto do Sampaio Correa na Série D do Campeonato Brasileiro:

Fase de grupos:
1ª rodada - Mixto-MT 1 x 3 Sampaio Correa-MA - Presidente Dutra
2ª rodada - Sampaio Correa-MA 4 x 0 Comercial-PI - Nhozinho Santos
3ª rodada - Santos-AP 1 x 3 Sampaio Correa-MA - Glicério Marques
5ª rodada - Sampaio Correa-MA 3 x 0 Araguaína-TO - Nhozinho Santos
7ª rodada - Araguaína-TO 0 x 4 Sampaio Correa-MA - Mirandão
8ª rodada - Sampaio Correa-MA 6 x 0 Santos-AP - Nhozinho Santos
9ª rodada - Comercial-PI 0 x 1 Sampaio Correa-MA - Albertão
10ª rodada - Sampaio Correa-MA 1 x 0 Mixto-MT - Nhozinho Santos

Oitavas de final:
Vilhena-RO 2 x 2 Sampaio Correa-MA - Portal da Amazônia
Sampaio Correa-MA 4 x 1 Vilhena-RO - Castelão

Quartas de final:
Mixto-MT 1 x 1 Sampaio Correa-MA - Presidente Dutra
Sampaio Correa-MA 0 x 0 Mixto-MT - Castelão

Semifinal:
Baraúnas-RN 1 x 1 Sampaio Correa-MA - Nogueirão
Sampaio Correa-MA 1 x 0 Baraúnas-RN - Castelão

Final:
Crac-GO 1 x 1 Sampaio Correa-MA - Genervino da Fonseca
Sampaio Correa-MA 2 x 0 Crac-GO - Castelão

* Além dos finalistas deste domingo, também garantiram presença na Série C de 2013 Mogi Mirim-SP e Baraúnas-RN.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: série dsampaio correacrac

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG