Santos quer liberar Vila, mas cogita Pacaembu para encarar o Náutico

Estádio foi interditado pelo STJD por conta do incidente ocorrido no jogo contra o Atlético-MG

Gazeta |

A diretoria do Santos não se abalou com a decisão do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) em interditar a Vila Belmiro por tempo indeterminado , após os incidentes registrados na tentativa da ambulância disponibilizada pelo clube em entrar no gramado para o atendimento ao zagueiro Rafael Marques, do Atlético-MG, no empate da última quarta-feira. O Peixe já deu início às obras de acesso para ambulâncias no estádio, no portão 20.

E MAIS:  Após incidente, STJD interdita Vila Belmiro por tempo indeterminado

Com isso, a diretoria santista acredita ser possível reverter a sanção imposta pelo STJD, liberando a Vila para receber o jogo contra o Náutico, marcado para a próxima quinta e válido pela 33° rodada do Campeonato Brasileiro.

Futura Press
Operários já realizaram obras para adequação da Vila Belmiro

"Acatamos essa determinação tomada pelo doutor Flávio Zveiter (presidente do STJD), mas estamos tomando todas as providências necessárias para eliminar o problema. Se trata de uma pequena intervenção, que deve terminar na segunda-feira. Com isso, fica eliminado o fato que causou a interdição e que impede a utilização da Vila Belmiro", disse o vice-presidente do clube praiano, Odílio Rodrigues, em entrevista à Rádio Estadão/ESPN .

Você achou justa a interdição da Vila Belmiro? Comente esta notícia

Além der finalizar as alterações, Zveiter destacou que a cúpula alvinegra precisa de novos laudos atestando que as obras realizadas garantem acesso de ambulâncias ao campo de seu estádio.

"É necessário para que a Vila seja desinterditada que o Santos comprove que foram concluídas as obras para o acesso de ambulância e que o estádio tem condições necessárias de segurança. Eles vão ter que comprovar no processo, com um laudo do Corpo de Bombeiros, que há condições de acesso, garantindo que não haverá qualquer problema caso volte a ocorrer alguma fatalidade", apontou o presidente do STJD.

Caso não haja tempo hábil para apresentar à entidade as provas de que a Vila Belmiro atende a todas as exigências impostas pelo STJD, o Santos cogita, inclusive, uma mudança do palco do duelo com o Timbu. O Pacaembu seria a alternativa mais provável.

"Vamos correr para jogar na próxima quinta na Vila. Se não for possível, nós iremos nos reunir e definir onde realizaremos essa partida. Se não for possível temos essa possibilidade do Pacaembu", concluiu Odílio.

Gazeta Press
Rafael Marques sai no carrinho da maca até a ambulância na Vila Belmiro

Relembre o caso
Rafael Marques se chocou com Leonardo Silva, seu companheiro na zaga do Galo, e ficou desacordado no gramado da Vila. Os primeiros socorros foram prestados, mas a ambulância destacada para o jogo não conseguiu adentrar ao campo, por conta de degraus no portão 21 do estádio. O atleta demorou dez minutos para ser levado de maca até a ambulância e encaminhado à Santa Casa de Misericórdia, de Santos.

O zagueiro atleticano ficou internado no hospital entre quarta-feira à noite e quinta de manhã, quando recebeu alta dos médicos e foi liberado para retornar com o restante da delegação do Galo para Belo Horizonte.

Rafael Marques passou por radiografias e tomografias da coluna cervical e crânio no hospital, mas nenhuma lesão grave foi constatada. Porém, os médicos do Atlético-MG já informaram que o jogador deve ficar afastado de qualquer tipo de atividade física durante uma semana, para a sua plena recuperação.

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: SantosPacaembuVila BelmiroBrasileirão 2012

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG