Jogador atuou pela última vez diante do Ipatinga, na segunda fase da Copa do Brasil, no dia 4 de abril

A principal novidade no time titular do Grêmio não estava no Rio de Janeiro, onde o técnico Vanderlei Luxemburgo comandou treino na manhã desta sexta, no Clube da Gávea. Aprimorando a forma física em Porto Alegre, após recuperar-se de lesão no joelho esquerdo que o afastou dos gramados nos últimos seis meses, o lateral-esquerdo Julio Cesar deve substituir o suspenso Anderson Pico no duelo com o Coritiba, no Olímpico, às 18h30 (de Brasília) deste sábado.

Julio Cesar, lateral do Grêmio
Site oficial
Julio Cesar, lateral do Grêmio

"Estou muito feliz por não ter sentido nada nas partidas que disputei. Infelizmente, estamos na reta final de campeonato. Faltam poucos jogos, mas o importante é que voltei sem dor. Agora é consequência do trabalho", comemora o lateral.

Julio Cesar atuou pela última vez diante do Ipatinga, na segunda fase da Copa do Brasil, no dia 4 de abril. Três semanas depois, descobriu que teria que passar por cirurgia para corrigir rompimento no ligamento colateral medial do joelho esquerdo que havia o afastado das últimas partidas do clube.

Além do lateral, o Grêmio deve contar também com o retorno do atacante Bertoglio, recuperado de lesão na coxa direita. O argentino, no entanto, deve ser apenas opção no banco de reservas tricolor.

Já o volante Souza, que segue em processo de recuperação de torção no tornozelo direito, não deve ser utilizado por Luxemburgo, apesar do mistério no discurso do treinador.

"Nesse momento não tenho como dar essa resposta. Ele fez um trabalho um pouco mais pesado, mais intenso, e se comportou de maneira razoável. Vamos ver clinicamente amanhã para decidir se ele tem condições de jogo", afirma.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.