Atacantes estavam nos planos do time mineiro para a temporada 2013 e não devem chegar

O Cruzeiro ainda tem chances de chegar à Copa Libertadores de América do próximo ano, e, por isso, a diretoria do clube já pensa na temporada 2013. O diretor de futebol, Alexandre Mattos, revelou que o clube tentou a contratação do atacante Aloísio, que defende o Figueirense , chegando, inclusive, a acertar valores, mas o negócio não foi concretizado.

Atacantes seriam bons reforços para o Cruzeiro? Comente e deixe seu recado

Aloísio é um dos destaques do Figueirense
Gazeta Press
Aloísio é um dos destaques do Figueirense

"Sobre o Aloísio, houve um determinado momento que ele esteve muito próximo do Cruzeiro. Foi o momento da chegada do Loco Abreu ao Figueirense. O Aloísio estava muito próximo, realmente, de vir para o Cruzeiro. Ele era reserva do Figueirense", disse Alexandre Mattos, em entrevista à Rádio Esportes FM .

E MAIS: Presidente do Cruzeiro nega oferta milionária por técnico chileno

Mattos explicou que na última hora o Figueirense não aceitou liberar o jogador. "Aloísio é um jogador que conhecemos, que deu um trabalho muito grande para o Cruzeiro no nosso primeiro jogo no Independência. A não vinda do Aloísio foi por um detalhe contratual do Figueirense, que não quis liberá-lo. A gente chegou a acertar a compra de um percentual dele", disse.

Outro jogador que esteve na pauta do Cruzeiro foi Lucca, destaque do Criciúma na Série B do Brasileiro. "O Cruzeiro tentou a contratação do Lucca há aproximadamente 30 dias. Já me pronunciei sobre isso. O Cruzeiro ofereceu 1,5 milhão de euros por 50% desse atleta, juntamente com um parceiro. O presidente do Criciúma pediu 2,5 milhões por 50%. Você tem de entender se vale ou não. O Cruzeiro, naquele momento, entendeu que não", explicou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.