Marcos Braz não será mais candidato à presidência do Flamengo

Dirigente descartou que a sua decisão esteja ligada a qualquer proposta de emprego feita pela diretoria e optou por não tomar nenhum posicionamento

Gazeta |

O ex-vice de futebol do Flamengo, Marcos Braz, informou o clube nesta terça-feira que não será mais candidato à presidência nas próximas eleições rubro-negras. O dirigente descartou que a sua decisão esteja ligada a qualquer proposta de emprego feita pela diretoria e optou por não tomar nenhum posicionamento com relação ao pleito de dezembro.

Sem Marcos Braz na briga pelo posto ocupado por Patrícia Amorim, o Flamengo terá seis concorrentes nas próximas eleições. A atual mandatária defenderá o seu cargo diante de Lysias Itapicurú, Ronaldo Gomlevsky, Wallim Vasconcellos, Jorge Rodrigues e Maurício Rodrigues de Souza Neto.

Os sócios rubro-negros serão os encarregados de escolher quem dirigirá o clube nas temporadas seguintes. Quase seis mil flamenguistas estarão aptos a votar em dezembro e eleger o novo presidente da equipe. Enquanto isso, Braz segue com futuro indefinido na Gávea e tem seu nome ligado a um possível retorno para a vice-presidência na atual gestão de Patrícia Amorim.

Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
Leia tudo sobre: Flamengo

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG