Preparador aposta no “malandro” Emerson: “Ele não ingere muito álcool”

Atacante do Corinthians se contundiu no empate contra a Portuguesa e deve retornar ao time em um mês

iG São Paulo * |

O período de até quatro semanas de Emerson Sheik longe dos gramados não preocupa a comissão técnica do Corinthians . O preparador físico do clube, Fábio Mahseredjian, aposta na experiência e nos cuidados do atleta fora de campo para descartar uma queda no condicionamento antes do Mundial de Clubes.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Emerson lesionou o joelho no empate entre Corinthians e Portuguesa

"O Emerson tem 34 anos, é malandro e sabe se poupar para atuar. Não acredito que terá prejuízo. Quando ele voltou de um tempo parado, não precisei dar uma carga muito forte. Ele sabe se cuidar bem e, apesar das críticas, não ingere muito álcool, bebe quase nada. Ele consegue se poupar no jogo também", afirmou.

Leia mais:  Danilo volta ao Corinthians contra o Cruzeiro, mas Giovanni é dúvida

Emerson é fotografado eventualmente em festas noturnas no Rio de Janeiro, mesmo durante a semana. Na segunda-feira passada, compareceu ao show do grupo Revelação, mas estava normalmente à disposição de Tite no dia seguinte.

Confira ainda:  Emerson tem estiramento confirmado e fica até um mês fora

Agora, o Sheik passará por um período no departamento médico, pois sofreu um estiramento no ligamento colateral medial do joelho direito na noite de sábado, em partida contra a Portuguesa. A expectativa é de que o atleta só volte a ser liberado para os jogos em um mês, mas Mahseredjian descarta um trabalho especial ao atacante.

"Não há necessidade de um treino mais forte. Quando voltou contra o Flamengo, ele correu um absurdo", recordou o preparador físico, referindo-se ao retorno do atacante aos gramados depois da suspensão de cinco jogos imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva.

*Com Gazeta

Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
Leia tudo sobre: corinthiansfábio mahseredjianemerson

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG