Virada contra o Sport manteve chances do Atlético-MG no Campeonato Brasileiro

O técnico Cuca admitiu que o Atlético-MG não fez um bom jogo contra o Sport na vitória por 2 a 1 deste domingo , mas ficou satisfeito pela entrega e luta dos jogadores, ingredientes que foram decisivos para que o time conseguisse a virada já nos acréscimos.

Veja a classificação do Brasileirão

Cuca reconheceu que Atlético-MG não fez bom jogo contra o Sport
Gazeta Press
Cuca reconheceu que Atlético-MG não fez bom jogo contra o Sport

O treinador alvinegro afirmou que gostaria de ter vencido com facilidade, porém, frisou que o gol do Sport deixou os atletas nervosos e dificultou a vida dos mineiros.

"A gente gostaria de ter feito um jogo melhor, mais tranquilo, mas não fizemos um bom jogo, principalmente no primeiro tempo, onde não tivemos aquele ímpeto que normalmente temos nos jogos em casa. Demos espaços para o Sport, eles fizeram 1 a 0 e criamos duas ou três chances na cara do gol, e isso causa uma instabilidade grande no jogador, que perde a confiança e vem a cobrança da arquibancada", declarou.

A dificuldade para conseguir o gol de empate, que só saiu no segundo tempo, aumentou a tensão dos jogadores em campo, que na opinião de Cuca contribuiu para que os pernambucanos tivessem espaços para contra-atacar os alvinegros. O comandante atleticano ainda atribuiu a vitória no finalzinho do jogo ao fator sorte, que neste domingo foi favorável ao Galo.

"O time ficou nervoso. O Sport fechou bem e tem jogadores rápidos na frente, e tiveram chances de fazer 2 a 0, o que mataria o jogo, e nós sabíamos que na hora que faz um gol muda o jogo, porque a torcida vai empurrar e automaticamente se faz segundo. Só não esperávamos que fosse tão tarde como foi, aos 48 do segundo tempo. A sorte tem que vir para nosso lado também, e hoje foi um dia que teve alma e temos que comemorar", afirmou. O Atlético-MG chegou a 59 pontos no Brasileirão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.