Criciúma goleia o Boa Esporte em Varginha e volta a liderar a Série B

Beneficiado por derrota do Vitória, catarinenses chegam a 61 pontos, um a mais que baianos

Gazeta |

Futura Press
Criciúma venceu o Boa e lidera a Série B

O Criciúma perdeu a liderança do Campeonato Brasileiro da Série B na 18ª rodada, chegou a completar três partidas sem vencer, mas retomou a condição de primeiro colocado neste sábado, ao vencer o Boa Esporte por 4 a 0, no estádio do Melão, em Varginha.

Beneficiado pela derrota do Vitória diante do Paraná , o Criciúma catarinense chegou a 61 pontos, um a mais que os baianos, agora vice-líderes.

Com dois gols em cobranças de falta, outro com oportunismo do volante França após escanteio e só o último com bola rolando, o Criciúma não tomou conhecimento de seu adversário, que continua com 37 pontos, não conseguiu espantar o risco de rebaixamento e acabou ultrapassado por rivais diretos, ocupando a 13ª colocação dez pontos acima do Bragantino, primeiro time da zona de degola.

Para manter a liderança a nove rodadas do fim da Série B, o Criciúma recebe o ABC-RN na próxima terça-feira, no estádio Heriberto Hulse. No mesmo dia e horário (às 21h50), o Boa visita o CRB em Maceió.

O Jogo
Desde os primeiros minutos de bola rolando, o Criciúma deu mostras de que apostaria na pressão e nas jogadas de bola parada para cima do Boa Esporte, mesmo fora de casa. Logo aos dois minutos, Lucca desafiou a marcação, partiu para a linha de fundo com a bola dominada e acabou derrubado. Na cobrança de falta fechada, a bola saiu pela linha de fundo do gol de Wilson Júnior.

O Boa tentou utilizar o fator casa para equilibrar a partida, mas teve impedimento marcado em seu primeiro lance ofensivo, aos 11 minutos, quando Marcelo Macedo foi lançado em posição irregular. Na jogada anterior, o próprio atacante do time mineiro havia furado em uma boa oportunidade criada na entrada da área.

Cinco minutos depois do lance de impedimento do adversário, o Criciúma tentou afastar uma bola da grande área, mas Neílson dominou e bateu forte, por cima da meta de Michel Alves, que só observou. O Boa Esporte ainda teria outras duas chances, aos 22 e aos 25. Na primeira, o goleiro do time catarinense interviu, mas, na outra oportunidade, Ozéia apareceu para desviar.

A partir dos 30 minutos da etapa inicial, os visitantes começaram a exercer a forte pressão dos primeiros instantes da partida. Aos 35, Giovanni Augusto alçou Zé Carlos em velocidade e o artilheiro da Série B dividiu com o goleiro Wilson Júnior, levando a pior. Na sequência, Giovanni desceu com a bola dominada e só foi parado por Toninho, que cometeu falta dura e levou o cartão amarelo.

Na cobrança de falta, aos 36 minutos, o lateral esquerdo Marlon levantou a bola no meio da área, de onde Olívio apareceu para escorar de cabeça e enganar Wilson Júnior, balançando as redes do time mineiro pela primeira vez na partida, após um leve toque na trave direita do gol defendido pelos donos da casa.

O Boa tentou reagir com jogada criada por Radamés e chute de Robert, pela linha de fundo. Na etapa complementar, entretanto, o Criciúma é que partiu para cima logo no início e balançou as redes outra vez aos sete minutos, se aproveitando de falta cometida por Everton e Zé Carlos na entrada da área. Giovanni Augusto pediu para Marlon e executou a cobrança precisa, rente à trave direita de Wilson Júnior, que ainda encostou as costas na bola antes de entrar.

Aos 11 minutos, Wilson Júnior impediu que Zé Carlos aumentasse sua marca como artilheiro da Série B, mas acabou sem conseguir evitar que França aumentasse a contagem logo no lance seguinte. Após escanteio cobrado por Lucca, Kléber escorou para o meio da área, onde França fintou o marcador e concluiu no canto do gol do Boa.

Sem o mesmo ritmo, o Criciúma ainda criou boas chances como Zé Carlos e Lucca, mas contou com mais uma boa atuação de Michel Alves, com defesas decisivas em chutes de Radamés, aos 28, e Francismar, aos 30, para ganhar confiança e anotar o quarto: aos 40, Eric recebeu passe curto de Kléber e esperou a saída de Wilson Júnior para definir a vantagem e a liderança da Série B.

FICHA TÉCNICA - BOA ESPORTE 0 x 4 CRICIÚMA

Local : Estádio do Melão, em Varginha (MG)
Data : 13 de outubro de 2012 (sábado)
Horário : 16 horas (horário de Brasília)
Árbitro : Pericles Bassols Pegado Cortez (RJ)
Assistentes : Luiz Cláudio Regazone (RJ) e Pedro Santos de Araújo (AL)
Cartões amarelos : Toninho e Fernando Karamba (Boa Esporte); Rodrigo Possebon (Criciúma)

GOLS - Criciúma: Marlon, aos 37 minutos do primeiro tempo, Giovanni Augusto aos 7, França aos 11 e Eric aos 39 minutos do segundo tempo.

BOA ESPORTE : Wilson Júnior; Robert (Siloé), Toninho, Neylor e Neílson; Everton, Olívio, Radamés e Francismar; Vanger e Marcelo Macedo (Fernando Karamba)
Técnico : Sidney Moraes

CRICIÚMA : Michel Alves; Eric, Ozéia, Nirley e Marlon; Diego Oliveira, França (Dalton), Kléber e Giovanni Augusto (Rodrigo Possebon); Lucca e Zé Carlos
Técnico : Paulo Comelli

Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
Leia tudo sobre: CriciúmaBoa Esportesérie b 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG