Atacante do Flamengo, artilheiro da equipe no Brasileiro, reconheceu o atraso de dois meses no salário do time e ainda quer uma oportunidade na seleção brasileira

Em comunicado recente, o ex-atacante Romário disse que uma de suas contestações ao trabalho de Mano Menezes à frente da seleção brasileira era a falta de oportunidades a jogadores como Fred e Vágner Love. Nesta terça-feira, após o treino comandado por Dorival Júnior no Ninho do Urubu, o flamenguista voltou a pedir uma chance com base no discurso do ídolo.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Vágner Love quer mais uma chance na seleção brasileira
vipc
Vágner Love quer mais uma chance na seleção brasileira

"Fiquei muito feliz quando fiquei sabendo, porque sou e sempre fui muito fã do Romário. Um pedido desses do Baixinho poderia ser aceito, né? Espero que o Mano escute ele e dê uma chance para mim e para o Fred", discursou o camisa 99 do rubro-negro, que nunca foi convocado por Mano Menezes.

Leia mais:  Adriano treina com elenco e Dorival esboça Fla para pegar o Corinthians

A última oportunidade de Vágner Love com a camisa da seleção brasileira ocorreu na Copa América de 2007, ainda sob o comando de Dunga. Fred, atual artilheiro do Campeonato Brasileiro, teve oportunidades com o novo treinador, mas tem sido deixado de lado mesmo em boa fase.

Ambiente conturbado
Enquanto ‘cava’ uma chance na seleção brasileira, Vagner Love reconhece o atraso de dois meses no pagamento de salários aos jogadores. Os funcionários do Flamengo têm recebido em dia, mas os atletas ainda não tiveram os débitos de agosto e setembro quitados pela diretoria.

"É importante somar pontos contra o Corinthians. Só assim teremos a tranqüilidade necessária", pontua Love, focado no confronto desta quarta-feira, às 22h (de Brasília), no estádio do Pacaembu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.