Dentro do estádio tricolor, o Palmeiras venceu apenas 26 de um total de 110 partidas disputadas

Um dos gols mais bonitos marcados pela galeria de craques que desfilou no gramado do Morumbi saiu dos pés do meio-campista Alex, no dia 20 de março de 2002. Pelo Palmeiras, em partida válida pelo Torneio Rio-São Paulo, o jogador hoje sem clube marcou uma vez na vitória por 4 a 2 para cima do São Paulo. Por coincidência, o resultado obtido pelo time comandado por Vanderlei Luxemburgo foi o último positivo do Verdão na casa do Tricolor.

Quem você acha que leva a melhor? Dê sua opinião com outros torcedores

"A história diz que tabus foram feitos para serem quebrados. E na nossa cabeça está ir lá ao Morumbi e ganhar. No nosso momento, só a vitória ajudar a tirar o Palmeiras dessa situação, então vamos dar tudo", recomenda o meio-campista Valdivia, que entra em campo neste sábado, às 16 horas (de Brasília), na tentativa de espantar a marca negativa e tirar o Verdão da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

Kleina busca a quarta vitória seguida à frente do Palmeiras
Gazeta Press
Kleina busca a quarta vitória seguida à frente do Palmeiras

Se não ocorreu mais nenhuma festa verde em um Choque-Rei no Morumbi nos últimos dez anos, o Palmeiras conta com uma estatística a favor: o Tricolor não vence o time do Palestra Itália desde 19 de setembro de 2010, quando triunfou por 2 a 0 no Pacaembu pelo Brasileiro de 2010. Desde então, foram quatro empates e uma vitória do Verdão, em 27 de novembro do ano passado.

O jejum mais incômodo, porém, é o do Palmeiras no Morumbi. Mas o tabu que Valdivia quer quebrar também já esteve do outro lado, pois entre 1973 e 2000, o Choque-Rei ocorreu 25 vezes e o Palmeiras simplesmente não foi derrotado neste período. A última vitória, inclusive, ocorreu no ano de 2000, no Morumbi, de acordo com o departamento histórico do clube. Ao todo, o confronto foi disputado 295 vezes, com 102 vitórias do São Paulo, 98 empates e 95 resultados positivos para o time de Palestra Itália.

Uma das explicações possíveis para a seca de vitórias do Palmeiras sobre o São Paulo no Morumbi é a realização de partidas em outras praças, como Presidente Prudente e Barueri. Antes do Campeonato Paulista de 2009, todos os clássicos estaduais eram sediados no estádio particular do Tricolor onde o Verdão chegou a vencer Corinthians e Santos neste período.

Em arrancada sob o comando de Gilson Kleina, que obteve três vitórias em três partidas, o Palmeiras também luta contra uma segunda marca negativa: dentro do Morumbi, venceu apenas 26 de 110 partidas, tendo empatado 40 vezes e perdido em outras 46 oportunidades para o São Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.