Ponte Preta completa seis jogos sem vitória: "Agora complicou", diz atacante

Com derrota por 1 a 0 para o Coritiba, time de Campinas ficou apenas dois pontos à frente do rival, primeira equipe fora da zona do rebaixamento

Gazeta |

A derrota para o Coritiba na noite desta quinta-feira fez a Ponte Preta completar um mês sem vitórias no Campeonato Brasileiro. O jejum liga o sinal de alerta na equipe campineira, que antes vivia situação confortável na tabela de classificação. Com o resultado, o clube ficou a apenas dois pontos dos paranaenses, primeiros fora da zona de rebaixamento.

LEIA:  Coritiba vence a Ponte e abre distância para a zona de rebaixamento

"Agora complicou. Ligamos o sinal de alerta, ficou difícil, mas temos que reverter o quanto antes essa situação", cobrou o atacante André Luís, que substitiu Rildo na partida, aos 26 minutos de jogo no Couto Pereira, e pouco pôde fazer. "A gente estava ciente  que seria um jogo difícil", resumiu.

A derrota é a segunda consecutiva da Ponte, que na semana passada perdeu para o Palmeiras no Pacaembu. Antes disso, a equipe já somava quatro empates na competição. Apenas os últimso três resultados foram sob o comando do novo técnico Guto Ferreira, substituto de Gilson Kleina na Macaca. Foi o antigo treinador que levou a equipe à sua última vitória, em 5 de setembro, contra o Flamengo, no Rio de Janeiro

Para a próxima rodada, os campineiros têm um duelo complicado. Daqui exatos dez dias, o time recebe o Náutico no Moisés Lucarelli. Para a partida, Guto Ferreira não poderá contar com Renê Júnior, que somou seu terceiro cartão amarelo diante do Coritiba.


Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
Leia tudo sobre: ponte pretabrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG