ASA marca no início, vence Avaí e respira aliviado na Série B

Equipe alagoana chegou aos 34 pontos e subiu para a 13ª posição na Série B. Já o Avaí permanece em sétimo

Gazeta | - Atualizada às

Precisando de uma vitória para evitar uma aproximação perigosa à zona de rebaixamento, o ASA-AL venceu o Avaí nesta terça-feira, em Arapiraca, por 1 a 0. Com o resultado, a equipe alagoana consegue sair do sufoco na parte baixa da tabela e se recupera dos três jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro Série B.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Já o Avaí, vê a boa sequência com Argel chegar ser esfriada com um derrota para um adversário que briga contra o descenso. O revés cria um grande obstáculo para a equipe catarinense voltar à Série A, já que, no complemento da rodada, o São Caetano, quarto colocado, poderá abrir nove pontos com apenas 11 jogos a serem disputados.

Quem fez o gol da vitória do ASA foi Lúcio Maranhão, ainda no início da partida. Aos seis minutos, o centroavante, que passou um período no departamento médico, aproveitou um vacilo da defesa em cobrança de escanteio e marcou.

Na 28ª rodada, o ASA-AL joga mais uma vez em casa, contra o Guaratinguetá, na terça-feira. Já o Avaí tem confronto na Ressacada diante do CRB-AL, no sábado.

O jogo
Desde o início as duas equipes partiram para cima e criaram boas chances. No primeiro lance, Didira fez ótimo lançamento, mas Moretto saiu bem do gol e alivou para a linha lateral.

Aos seis minutos, o ASA-AL foi premiado com um vacilo da defesa do Avaí. Após cobrança de escanteio rasteira, a bola cruzou toda a área e Lúcio Maranhão, na segunda trave, empurrou para as redes.

O Avaí, então, correu atrás do empate e quase conseguiu por duas vezes antes do intervalo. Aos 11, Pirão bateu de longe com muita força e obrigou Gilson a voar no ângulo para impedir um golaço do volante. 20 minutos mais tarde, Camilo fez boa jogada e deixou Mika em condições de chegar batendo, mas o jogador não aproveitou e mandou para fora.

Na volta dos vestiários, a partida seguiu o mesmo ritmo. Logo aos cinco minutos, Jorginho pegou bem de longe, mas mandou por cima. Em resposta, Arlan foi ao fundo e cruzou na cabeça de Diogo Acosta, que perdeu um gol incrível de cabeça.

Aos poucos, no entanto, as equipes foram cansando e o jogo perdeu em emoção. Somente nos últimos lances a partida voltaria a ter chances de gol. Já nos acréscimos, Pirão e Felipe Alves arriscaram de fora e perderam a chance do empate. Lúcio Maranhão, sumido desde o gol, ainda acertaria o travessão antes do apito final.

FICHA TÉCNICA
ASA-AL 1 x 0 AVAÍ

Local: Estádio Coaracy Fonseca, Arapiraca (AL)
Data: 2 de outubro de 2012, terça-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Márcio Chagas da Silva (RS)
Assistentes: José Javel Silveira (RS) e Marco A. Mello Moreira (GO)
Cartões Amarelos: Lucas e Davi Ceará (ASA-AL); Rafael, Bruno Silva e Mika (Avaí)
Gol: ASA-AL: Lúcio Maranhão, aos seis minutos do primeiro tempo

ASA-AL: Gilson; Audálio, Fabiano e Edson Veneno; Osmar, Jorginho, Lucas (Geovane), Didira (Valdívia) e Chiquinho Baiano; Alexsandro (Davi Ceará) e Lúcio Maranhão
Técnico: Nedo Xavier

AVAÍ: Marcelo Moretto; Arlan, Cássio, Rafael (Fred) e Julinho (Nenê Bonilha); Bruno Silva, Mika, Pirão e Camilo (Felipe Alves); Ricardo Jesus e Diogo Acosta
Técnico: Argel Fucks

Leia tudo sobre: asaavaísérie b 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG