José Mourinho descarta deixar o Real Madrid antes de 2016

Português tem contraro com time espanhol por mais quatro anos, mas disse que depois de treinar os madrilenhos deve retornar ao futebol inglês

EFE |

EFE

José Mourinho, técnico do Real Madrid, afirmou nesta segunda-feira, em entrevista à emissora CNN , que vai cumprir seu contrato com o clube espanhol, que vai até meados de 2016, na íntegra.

"Tenho contrato de quatro anos com o Real Madrid, quando o assinei, fiz porque queria estar no Real Madrid nesta fase da minha carreira e não pensar em outro clube. Estou muito feliz de estar neste momento como técnico do melhor clube do mundo", explicou o treinador.

Gosta do trabalho de José Mourinho no Real Madrid? Deixe seu comentário

O português, contudo, disse que depois de treinar os madrilenhos deve retornar ao futebol inglês "por muitas razões". Mourinho não afirmou se será em 2016 ou se há alguma chance dele estender seu vínculo com o Real Madrid. Na Inglaterra, especula-se que o português será o substituto de Alex Ferguson.

"O chamo de 'o chefe', porque é o maior dos treinadores. Espero que ao voltar ao futebol inglês, ele ainda dirija o Manchester United", comentou o português.

Mourinho também falou sobre sua vida e lamentou não ser uma pessoa anônima: "Odeio minha vida social. Odeio não ser um pai normal que pode ir com seu filho à partida de seu time e está ali com outros 20 pais vendo o jogo. Quando vou a um jogo de futebol de crianças, as pessoas vêm tirar fotos, pedir autógrafos, mas também me insultar, ir atrás do gol do meu filho de 12 anos e insultá-lo".

Leia tudo sobre: Real Madridjosé mourinhoespanhafutebol mundial

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG