Fifa anuncia as 11 cidades-sede da Copa do Mundo da Rússia, em 2018

País será dividido em quatro regiões, visando facilitar o deslocamento de torcedores e seleções

iG São Paulo | - Atualizada às

A Fifa (Federação Internacional de Futebol e Associados) revelou neste sábado os nomes das 11 cidades escolhidas para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia. O presidente Joseph Blatter foi o responsável por anunciar as selecionadas: Moscou, São Petersburgo, Kaliningrado, Níjni Novgorod, Kazan, Samara, Saransk, Volgogrado, Rostov do Don, Sóchi e Ecaterimburgo. Dentre elas, a capital Moscou será a única a receber jogos em dois estádios: Luzhniki e Spartak. A definição aconteceu na sexta-feira, em reunião em Zurique, na Suíça.

A Rússia organizará uma Copa do Mundo melhor que a do Brasil? Deixe sua opinião!

Divulgação
Estádio Luzhniki, um dos mais modernos da Rússia

"O anúncio das cidades-sede é o primeiro passo concreto da realização da Copa do Mundo de 2018. Elas dão uma contribuição decisiva para o sucesso do maior evento esportivo do mundo. Esperamos contar com uma parceria produtiva no caminho rumo à primeira Copa no Leste Europeu", afirmou Blatter.

VEJA:  Blatter descarta auxiliares na linha de fundo durante Copa 2014

A Fifa também informou que as cidades serão divididas em quatro regiões, para facilitar os deslocamentos de seleções e torcedores, já que a Rússia é o maior país do mundo. A divisão foi feita da seguinte forma: Central (estádios Luzhniki e Spartak, em Moscou), Norte (São Petersburgo e Kaliningrado), Volga (Níjni Novgorod, Kazan, Samara, Saransk e Volgogrado) e Sul (Rostov do Don e Sóchi), além de Ecaterimburgo.

MAIS:  Presidente da Fifa pede que jogadores denunciem suspeitas de fraudes

O evento deste sábado contou com a presença do ex-lateral esquerdo brasileiro Roberto Carlos, atual diretor geral do Anzhi, e também do técnico da seleção russa, o italiano Fabio Capello.

Leia tudo sobre: Futebol MundialFifaCopa 2018

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG