Corinthians dá desconto para sócios em atraso e tenta ampliar eleitores

Inadimplentes ganham 50% de desconto em iniciativa que busca renovação no quadro de associados aptos a votar

Bruno Winckler - iG São Paulo |

AE
Mário Gobbi, presidente do Corinthians, quer ampliar números de sócios eleitores

O Corinthians iniciou na última segunda-feira uma medida para resgatar os associados inadimplentes ou em dívida com o clube. Serão dados 50% de desconto para os associados inativos. As taxas de reativação eram de R$ 1 mil e R$ 720 para os planos e agora serão de R$ 500 (plano familiar) e R$ 360 (plano individual). Os interessados devem procurar a secretaria do Parque São Jorge.

Comente esta notícia e deixe seu recado para outros torcedores

O objetivo da medida, válida até o dia 28 de fevereiro do ano que vem, é ampliar o quadro de sócios. A partir do próximo mês, o time principal deve entrar em campo estampando campanha na camisa que incentiva o torcedor a ser sócio master do clube. Tal associado tem poder de voto nas eleições presidenciais.

“A galinha dos ovos de ouro, o carro-chefe, é o futebol. Mas o clube é mais que isso. Eu aconselharia a todo torcedor corintiano que pudesse se tornar sócio que ele estaria ajudando e muito o Corinthians", disse o presidente Mário Gobbi durante sua campanha nas últimas eleições.

 "O Corinthians tem 30 milhões de torcedores, mas no fim só uns 3 mil votam. Isso é pouco. Com 3 mil para definir, é muito pouco”, comentou Gobbi durante o pleito, quando cerca de 3,2 mil associados votaram.

Leia tudo sobre: Corinthianseleiçõesmário gobbi

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG