Léo perde braçadeira de capitão pra Neymar e diz que "tem que acatar"

Jogador mais experiente do Santos, lateral conquistou a Recopa nesta quarta e adicionou mais um título em sua coleção

Francisco De Laurentiis - iG São Paulo | - Atualizada às

Aos 37 anos, o lateral esquerdo Léo é o jogador mais experiente do elenco do Santos . Ele também é o atleta com mais títulos na história do clube pós-Pelé. Com a conquista inédita da Recopa Sul-Americana , nesta quarta, após vitória por 2 a 0 sobre a Universidad de Chile , ele soma agora oito taças. Só que Léo não pode levantar o caneco no estádio do Pacaembu. Antes da partida, ele perdeu a faixa de capitão para Neymar, que recebeu o troféu da Recopa - repassando em seguida para o veterano. Após a partida, nos vestários, o lateral disse não ter "problema nenhum" em ter perdido a posição de líder da equipe.

Muricy fez bem em tirar a faixa de Léo e dar para Neymar? Deixe sua opinião!

Francisco De Laurentiis
Léo carrega a taça da Recopa nos vestiários

"Eu sou funcionário do clube e tenho de respeitar ordens. Foi uma decisão do nosso treinador e não tem problema nenhum", afirmou Léo, que preferiu ressaltar o título santista: "O grupo do Santos é muito unido. O Edu (Dracena, capitão habitual do time, mas que está se recuperando de lesão) estava aqui e eu havia pedido para jogar com a camisa dele. E, se eu fosse o capitão, chamaria todo mundo para erguer a taça. O importante foi a conquista da equipe", afirmou.

VEJA:  Muricy é surpreendido com "banho" e se irrita, mas exalta 4° título

Já o técnico Muricy Ramalho preferiu não polemizar sobre a questão da faixa. O treinador disse não se importar com quem é o capitão de equipe, preferindo que as responsabilidades sejam divididas pelos atletas durante os jogos. "Não é a primeira vez que o Neymar é capitão. Ele se sente bem e não tem nada demais. Eu até brinco com os jogadores: todo mundo tem que conversar, independente de quem está com a faixa. Capitão é mais para atirar a moedinha", afirmou.

Com o fim da carreira chegando, o lateral Léo também diz que ainda quer renovar seu contrato com o Santos por mais um ano, com ou sem faixa de capitão. Para que isso ocorra, porém, o próprio jogador admite que depende da melhora da condição de seus joelhos.

MAIS:  Neymar dedica título a Ganso e brinca com goleiro após pênalti perdido

"Estamos conversando (Léo e diretoria, sobre renovação), talvez faça uma artroscopia para saber se tenho condições de jogar bem sem sentir dor no joelho. Se isso acontecer, a tendência é ficar mais um ano na equipe. Já conversei com o Odílio (Rodrigues, vice-presidente do Santos) e não teremos problemas para acertar. Conversar sobre valores nunca foi difícil e não será desta vez. Vamos ver se o joelho permite continuar", encerrou o veterano.

Leia tudo sobre: SantosRecopa 2012NeymarLéo

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG