Com dinheiro de Ganso, Santos inicia busca por camisa 10 "classe A" para 2013

Técnico Muricy Ramalho diz que time alvinegro busca jogador "de seleção" para a vaga deixada pelo armador

Francisco De Laurentiis - iG São Paulo | - Atualizada às

A saída do meia Paulo Henrique Ganso para o São Paulo é página virada no Santos . O jogador, que não vai receber nem medalha da conquista da Recopa Sul-Americana pelo time alvinegro, na última quarta-feira, após vitória por 2 a 0 sobre a Universidad de Chile , "deixou" R$ 23,9 milhões no caixa do time praiano após sua ida para o Morumbi. Segundo dirigentes santistas, esse dinheiro servirá para contratar reforços de peso. Boa notícia para o técnico Muricy Ramalho, que espera um armador "classe A" para ocupar a vaga deixada por Ganso na Vila Belmiro.

Quem o Santos deveria contratar para a vaga de Ganso? Deixe seu comentário!

Francisco De Laurentiis
Técnico Muricy Ramalho dá coletiva ao lado da taça da Recopa Sul-Americana, seu 4° título pelo Santos

"Não tem outro 10 igual o Ganso no Brasil. Um canhoto, que passa bem a bola, dita o ritmo do jogo. Os 10 hoje são pontas-de-lança, carregadores de bola, e não armadores de jogada. Mas já estou buscando um armador para o ano que vem, pois agora falta ao Santos um jogador desse tipo. Estamos atrás de um jogador 'classe A'. Pode ter certeza que o Santos vai apresentar um grande jogador no ano que vem", assegurou Muricy Ramalho.

VEJA:  Apesar de ter atuado na Recopa, Ganso não receberá medalha

Segundo a diretoria santista, os R$ 23,9 milhões da venda de Paulo Henrique Ganso serão utilizados integralmente na busca de reforços de peso, principalmente para a armação de jogadas: "O dinheiro será usado pra reforçar o time. Dá pra trazer ao menos um reforço de peso, mas nossa intenção é ter algo mais do que isso. Mantemos reuniões semanais e conversamos sobre muitos nomes. Já estamos trabalhando o planejamento, mas está difícil achar um meia no mercado. O Muricy tem indicações, vamos ver o que conseguimos", disse Felipe Faro, superintendente de esportes da equipe praiana.

Jogue palavras cruzadas e mostre que sabe tudo sobre a história do seu clube

Conca? Riquelme? Robinho?

Muricy Ramalho já declarou diversas vezes que o argentino Darío Conca, que foi seu comandado nos tempos de Fluminense , é um de seus jogadores preferidos. Camisa 10 de ofício, o meia está atualmente no Guangzhou Evergrande, da China, clube no qual recebe um dos maiores salários do mundo (cerca de R$ 2 milhões por mês). Perguntando se queria Conca no Santos em 2013, o treinador alvinegro é realista.

MAIS:  Muricy é surpreendido com "banho" e se irrita, mas exalta 4° título pelo Santos

"No Conca eu nem pensei (em contratar), porque ele até tentou voltar para o Fluminense recentemente, mas o contrato dele com os chineses é coisa de outro mundo, um absurdo. Eles (Guangzhou Evergrande) investiram muito e não vão liberar fácil a saída dele. Mas, em todo caso, ele é mais um meia carregador de bola, fazedor de gols, não é bem um armador. É bem diferente do Ganso", afirmou.

Outro jogador que costuma aparecer na pauta de reforços do Santos é o atacante Robinho, um dos maiores ídolos da equipe praiana na era pós-Pelé. O superintendente Felipe Faro diz que o clube da Baixada tem "eterno" desejo de ter novamente o jogador do Milan . A contratação, porém, também é difícil.

LEIA:  Léo perde braçadeira de capitão pra Neymar e diz que "tem que acatar"

"Não vou entrar em detalhes de números, mas tentamos (a contratação do Robinho) na última janela de transferências. Acabou não dando certo. Não reabrimos a conversa desde então, mas essa contratação será eternamente um desejo do Santos e vice-versa. Nesse momento, porém, não há qualquer tipo de discussão com Milan sobre isso", ressaltou Faro, para em seguida ser perguntado sobre a possibilidade do meia Riquelme, ex- Boca Juniors , reforçar a equipe da Vila Belmiro. A resposta foi seca, e bastante contundente: "Não".

Leia tudo sobre: SantosMercado da bola

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG