Neymar e Adriano treinam, e devem reforçar Santos na Recopa

Time encara a Universidad do Chile na próxima quarta-feira e precisa de uma vitória simples para ficar com o título

Gazeta |

O atacante Neymar e o volante Adriano foram as principais novidades da reapresentação do elenco do Santos, na tarde desta segunda-feira, no CT Rei Pelé. A dupla participou normalmente das atividades orientadas pelo técnico Muricy Ramalho e deve estar em campo diante da Universidad do Chile, na próxima quarta, a partir das 19h (horário de Brasília), no Pacaembu, na segunda e decisiva partida da Recopa Sul-Americana.

Acha que Neymar deve entrar em campo nesta quarta-feira? Deixe sua opinião

A Joia, que não atuou na derrota para a Portuguesa, no último sábado, pois cumpriu suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo, voltou a treinar no Peixe, após ter recebido folga da comissão técnica. Depois de defender a Seleção Brasileira contra a Argentina, quarta passada, em Goiânia, pelo Superclássico das Américas, Neymar foi liberado pelo clube e passou o final de semana no Rio de Janeiro.

Já Adriano vinha em tratamento de uma lesão no tornozelo esquerdo, que lhe deixou de fora dos duelos contra o Coritiba e a Lusa. A tendência é que o meio-campista seja titular diante da La U.

O veterano lateral esquerdo Léo, recuperado de dores no joelho direito, foi outro a participar sem restrições do treinamento e, como havia sido previsto pelo departamento médico santista, deve ficar à disposição do treinador para o embate com os chilenos.

Enquanto isso, o lateral direito Bruno Peres, com lesão de grau 1 na coxa esquerda, fez um trabalho à parte com o preparador físico da equipe, Ricardo Rosa. A sua presença em campo na decisão da Recopa ainda é dúvida. Caso seja vetado, o jovem Douglas terá uma nova chance como titular.

Se não tiver nenhum problema durante o treino desta terça, o último dos alvinegros antes do jogo contra a Universidad do Chile, Muricy Ramalho deve escalar a seguinte formação: Rafael; Douglas (Bruno Peres), Bruno Rodrigo, Durval e Léo; Adriano, Arouca, Felipe Anderson e Patito Rodríguez; Neymar e André.

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG