Alfons Godall, ex-vice-presidente do clube catalão, ofendeu treinador do time madrilenho após partida da Liga dos Campeões

EFE

A direção do Real Madrid divulgou nesta quinta-feira que o clube vai processar o ex-vice-presidente do Barcelona Alfons Godall, que chamou o técnico José Mourinho de "psicopata" após a vitória dos madrilenhos sobre o Manchester City na Liga dos Campeões.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Em comunicado oficial publicado no site do time da equipe da capital espanhola, a afirmação do ex-dirigente é qualificada como um "ataque", sendo anunciado logo em seguida que estão sendo tomadas as providências legais.

"O Real Madrid não vai permitir ataques desta natureza e atuará sempre que atentem contra a honra dos que fazem parte do nosso clube", aponta o comunicado.

No fim do jogo da última terça-feira, pela primeira rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões, Godall disparou através do Twitter: "Lamentável o psicopata comemorando gols como se fosse um jogador".

Após a ter sido divulgado o anúncio da ação que será impetrada pelo Real Madrid, o ex-vice-presidente do Barcelona voltou a utilizar as redes sociais lembrando a agressão do português contra Tito Vilanova, no ano passado. Godall ainda afirmou que se o processo for adiante seus advogados se manifestarão no momento oportuno.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.