Tamanho do texto

Elogiado por Fernandão, o lateral não acredita que a crítica feita pelo técnico sobre parte do elenco estar acomodado seja endereçada a ele

Titular do Internacional nas últimas duas rodadas, Édson Ratinho não deve permanecer no time para o confronto de domingo, contra o Bahia. Nei, titular da posição, retornará ao time após recuperar-se de um desconforto muscular. Mesmo assim, o ala se diz satisfeito com sua produção nas partidas contra Botafogo e Sport. E considera que o Colorado podia estar bem melhor no campeonato.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Édson Ratinho, lateral direito do Inter
Divulgação
Édson Ratinho, lateral direito do Inter

"Temos um dos melhores times do Brasil. O sétimo lugar não é posição para o Inter, e precisamos estar indignados com essa colocação. Somos o time que mais empatou no campeonato. Mas temos uma oportunidade domingo, diante da nossa torcida", avaliou Ratinho.

Elogiado por Fernandão, o lateral não acredita que a crítica feita pelo técnico sobre parte do elenco estar acomodado seja endereçada a ele: "minha vontade é sempre muito grande. Estou encarando essa oportunidade aqui no Inter como uma das últimas da minha vida", garante.

Com o 2 a 2 diante do Sport, no último domingo, o Internacional se manteve a seis pontos do Vasco, o último integrante do G-4 do Campeonato Brasileiro. Nas últimas dez partidas, a equipe de Fernandão venceu apenas uma vez: contra o Flamengo, no dia 2 de setembro, por 4 a 1.