Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Falcão rejeita acordo de 3 meses, pede "projeto" e esfria acerto com o Palmeiras

Ex-técnico de Internacional e Bahia estava próximo de assumir a equipe alviverde, mas situação ficou complicada

iG São Paulo | - Atualizada às

Após não conseguir contratar o técnico Jorginho, do Bahia , o Palmeiras faz força para ter um treinador demitido pelo clube nordestino neste ano. Sem sucesso, porém. Nesta terça-feira, Paulo Roberto Falcão rejeitou oferta de três meses de contrato do clube paulista e fez uma contraproposta para receber salário maior e ter vínculo até dezembro de 2013, com um "projeto" para a disputa da Libertadores. A diretoria analisa a possibilidade, mas a alta pedida de Falcão assustou.

Falcão seria um bom nome para assumir o Palmeiras? Comente!

O que pode auxiliar o ex-meio-campista, demitido do Bahia há menos de dois meses, é a pressão dos dirigentes em contratar logo um substituto para Luiz Felipe Scolari, que deixou a equipe na última quinta-feira. A intenção é que o time enfrente o Figueirense , no sábado, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro , já sem Narciso como interino.

VEJA:  Palmeiras se refugia no interior paulista antes de "final" contra o Figueirense

AE
Falcão (dir) chegaria para substituir Felipão

Falcão desembarcou em São Paulo nesta terça-feira. Enquanto estava no avião, o gerente de futebol César Sampaio deixou rapidamente a Academia de Futebol, recusando-se a dar entrevistas. A ideia é conversar pessoalmente com o técnico para convencê-lo a acertar por um valor menor.

MAIS:  Árbitro relata "quebradeira" e Palmeiras pode perder mandos

Falcão é a nova esperança palmeirense para evitar a disputa da Série B do Brasileiro pela segunda vez na história do clube. Atualmente, o time só não tem a pior campanha da primeira divisão porque conta com uma vitória a mais em relação ao Atlético-GO e está a oito pontos do Flamengo, primeiro time fora da zona de rebaixamento. Só faltam 13 rodadas para o Palmeiras evitar o descenso.

CONFIRA:  Com protestos e risco de queda, Tirone pode abrir mão de reeleição

Com passagem destacada pelo São Paulo como jogador, na década de 1980, Falcão é ídolo do Internacional de Porto Alegre e da Roma, da Itália, além de ter disputado as Copas do Mundo de 1982 e 1986. Em seu primeiro período como técnico, chegou a comandar a seleção brasileira no início da década de 1990, sem sucesso.

LEIA:  Premiado, diretor do Flu espera reação, mas diz que política atrapalha Palmeiras

Foi comentarista de televisão por 15 anos até retomar a carreira no banco no ano passado. No Inter, foi campeão gaúcho, mas não teve regularidade no Brasileiro e acabou demitido. Neste ano, conquistou o Campeonato Baiano pelo Bahia, título insuficiente para segurá-lo no cargo em meio à proximidade do time da zona de rebaixamento.

Ajude o Palmeiras a aumentar sua Torcida Virtual do iG Esporte

Leia tudo sobre: PalmeirasFalcão

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG