Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Sheik salva o Corinthians e garante empate contra a Ponte Preta

Time de Campinas vencia a partida até os 44 minutos do segundo tempo, quando brilhou a estrela do atacante corintiano

iG São Paulo | - Atualizada às

A Ponte Preta , por pouco, não conquistou a terceira vitória seguida contra o Corinthians . Após eliminar o rival nas quartas de final do Campeonato Paulista e vencer o duelo do primeiro turno do Campeonato Brasileiro, a equipe de Campinas estava ganhando a partida desta quarta-feira, disputada no Pacaembu, até os 44 minutos do segundo tempo. No entanto, com gol de Emerson Sheik, o Corinthians garantiu o empate por 1 a 1.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Melhor durante boa parte da partida, a Ponte Preta criou as melhores jogadas de ataque e marcou seu gol aos 22 minutos. Após cobrança de falta na área, o zagueiro Thiago Alves testou bonito, sem chance para o goleiro Cássio.

Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

Agora, no próximo domingo, o Corinthians voltará o seu foco para o campeonato à parte contra o Palmeiras. A equipe retorna ao Pacaembu na condição de visitante para tentar ampliar a crise do arquirrival. Já a Ponte Preta, que chegou aos mesmo 32 pontos do Corinthians, buscará a sua sétima partida sem derrota no Moisés Lucarelli, contra o Botafogo.

O jogo

Mesmo jogando fora de casa, a Ponte Preta começou a partida buscando o ataque e quase abriu o placar aos 11 minutos. O atacante Roger recebeu lançamento de Edson Bastos, protegeu a bola do zagueiro Paulo André e chutou cruzado, tirando tinta da trave.

Depois do susto, o Corinthians respondeu aos 17 minutos. Em cobrança de falta, Douglas levantou a bola na área e Paulo André testou no canto para excelente defesa de Edson Bastos. No entanto, o bandeirinha marcou impedimento do zagueiro e anulou a jogada.

Com o time da casa errando muitos passes, a Ponte controlou as ações durante boa parte do primeiro tempo. Porém, a equipe de Gilson Kleina pecou nas finalizações. No fim da primeira etapa, o Corinthians, enfim, conseguiu pressionar. Na melhor chance, aos 39 minutos, Douglas arriscou de fora da área e Edson Bastos precisou se esticar todo para evitar o gol.

Na etapa final, a Ponte Preta foi para cima do Corinthians e Cássio precisou trabalhar. Aos seis minutos, Nikão soltou a bomba no ângulo e o goleiro da seleção brasileira espalmou para escanteio.

Quatro minutos depois, o meia-atacante Marcinho deixou Roger na cara do gol, mas o experiente atacante perdeu o tempo da bola e chutou fraco. Insatisfeito com o rendimento da equipe, Tite sacou Douglas para a entrada de Jorge Henrique.

No entanto, a equipe de Campinas seguiu melhor no jogo e tirou o zero do placar aos 22 minutos. Nikão cobrou falta pela esquerda, Renê Júnior desviou de cabeça e Tiago Alves testou no chão, sem chance para o goleiro Cássio: 1 a 0.

Em desvantagem, o Corinthians partiu com tudo para o ataque e ficou ainda mais ofensivo após as entradas de Giovanni e Adilson nas vagas de Alessandro e Guilherme.

Na base da pressão, a equipe da casa conseguiu deixar tudo igual aos 44 minutos. Após lançamento na área, Paulo André desviou de cabeça e Emerson Sheik chutou a bomba. Edson Bastos ainda espalmou a bola para cima, mas ela morreu no fundo das redes.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS 1 X 1 PONTE PRETA

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 12 de setembro de 2012 (quarta-feira)
Horário: 19h30 (de Brasília)
Público: 21.416
Renda: R$ 551.183,72
Árbitro: Rodrigo Braghetto (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Bruno Salgado Rizo (ambos de SP)
Cartões amarelos:  Chicão, Guilherme, Alessandro, Fábio Santos (Corinthians); Ferron, Nikão, Cicinho (Ponte Preta)

Gols: PONTE PRETA: Tiago Alves, aos 22 minutos do segundo tempo
CORINTHIANS: Emerson, aos 44 minutos do segundo tempo

CORINTHIANS: Cássio; Alessandro (Giovanni), Chicão, Paulo André e Fábio Santos; Guilherme (Adilson), Edenílson, Douglas (Jorge Henrique) e Danilo; Romarinho e Emerson
Técnico:Tite

PONTE PRETA: Edson Bastos; Tiago Alves, Ferron e Diego Sacoman; Cicinho (Xaves), Baraka, Renê Júnior, Marcinho, Nikão (Bruno Sabino) e Uendel; Roger (Luan)
Técnico: Gilson Kleina

Leia tudo sobre: CorinthiansPonte PretaBrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG