Treinador do Fluminense não aprovou atuação de seu time e reclamou de torcedores mal-educados da Portuguesa

Abel Braga reclamou dos torcedores 'mal-educados' da Portuguesa
Photocamera
Abel Braga reclamou dos torcedores 'mal-educados' da Portuguesa

"É difícil falar em merecimento, mas a Portuguesa fez um belo jogo", disse o técnico Abel Braga em sua rápida entrevista coletiva após a vitória por 2 a 0 sobre o time paulista, nesta quarta-feira, no estádio do Canindé. Uma hora antes do retorno ao Rio de Janeiro, e xingado pela torcida enquanto tentava falar na saída dos vestiários, o comandante do Fluminense celebrou os três pontos conquistados fora de casa, mas alertou para a atuação pouco convincente de sua equipe.

Leia também:  Fluminense resolve em dois minutos, vence a Portuguesa e segue líder

"Não foi uma vitória enganosa ou algo assim, mas foi fruto de dedicação e de um futebol que agradou pela entrega, não pela qualidade. Perder saiu caro para a Portuguesa, que jogou melhor do que nós, e por isso eu fico muito feliz. Eu já esperava esse tipo de dificuldade", comentou o treinador do Fluminense, que também deu seu ‘toque’ para a construção do resultado.

Sem contar com Wagner, lesionado, Abel Braga lançou Diguinho e uma formação com três volantes para tentar derrubar a Portuguesa, que se aproveitou da ineficiência ofensiva do Flu para dominar as ações. No intervalo, o técnico já lançou mão de Rafael Sóbis justamente na vaga do camisa 8. Sóbis foi o responsável pela assistência no gol de Jean, aos 27, e participou indiretamente do segundo tento, marcado por Wellington Nem dois minutos depois.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A entrevista foi encerrada porque três torcedores da Portuguesa que retiravam o bandeirão de uma torcida organizada começaram a xingar o técnico do Fluminense, que se irritou: "Isso é uma vergonha, um clube tão importante quanto a Portuguesa e vem esses dois ou três babacas atrapalharem quem está trabalhando".

Às 18h30 (de Brasília) do próximo sábado, o Fluminense visita o Atlético-GO para manter a vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro, assegurada com dois pontos de vantagem em relação ao xará mineiro do adversário do fim de semana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.