Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Fred pede a sexóloga que envie relatório ao Flu para liberar sexo antes de jogos

Atacante diz que desempenho no campo depois de sexo e que é adepto de uma "rapidinha"

iG São Paulo | - Atualizada às

Divulgação/TV Globo
Fred causou alvoroço ao falar de sexo antes de jogos

Fred quer um aval científico de que a prática de sexo antes dos jogos o ajuda a melhorar o desempenho em campo. Em participação no programa "Altas Horas", da TV Globo, o atacante do Fluminense provocou gargalhadas na plateia do apresentador Serginho Groisman ao fazer uma pergunta à sexóloga Laura Muller sobre as vantagens do sexo antes de uma atividade física. 

Leia também:  Fred reconhece má atuação do Fluminense, mas comemora vitória

"Muita gente me pergunta se atrapalha (praticar sexo antes das partidas). Eu acho que não tem problema nenhum. Mas você tem um relatório que comprove isso para eu poder mandar lá para o Fluminense? A mim não atrapalha", disse Fred. 

A sexóloga respondeu, mas não deu a Fred o que ele queria. "Cada pessoa reage de um jeito. Depende de cada um. Se você diz que não atrapalha, acredito. Você está fazendo um monte de gols", disse Laura. Fred é o artilheiro do Brasileirão com 11 gols. "Uma rapidinha resolve", rebateu o atacante, arrancando mais risadas da plateia.

O sexo antes de jogos não tem a liberação dos clubes no Brasil. O assunto é um tabu ainda hoje, mesmo contando com adeptos como Renato Gaúcho e Romário, que nunca esconderam que por vezes davam suas escapadas para saciar suas vontades. A mais recente aconteceu com Ronaldinho Gaúcho , que em janeiro levou uma acompanhante para seu quarto antes de um amistoso do Flamengo, seu antigo clube, com o Corinthians em Londrina.

Divulgação/TV Globo
Fred mostrou um pouco de suas habilidades no programa "Altas Horas"

Voltando mais no tempo, o atacante Dario, o Dadá Maravilha, não escondia que gostava de se masturbar antes e nos intervalos dos jogos. "Eu sempre ia antes do jogo, na pontinha dos pés, e batia umazinha. Eu ficava levinho e parava no ar. Eu sempre fazia isso", contou Dadá em uma entrevista para Paulo Roberto Falcão.

Leia tudo sobre: fluminensefredsexo

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG