Tamanho do texto

Presidente do Vasco garantiu respaldo para o novo treinador vascaíno e tentou minimizar a saída de José Hamilton Mandarino

Após o pedido de demissão do técnico Cristovão Borges, a diretoria do Vasco não demorou para anunciar o nome de Marcelo Oliveira como novo treinador cruzmaltino . De acordo com o presidente Roberto DInamite, o ex-comandante do Coritiba ficou credenciado para assumir a equipe após o bom trabalho no time paranaense.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

O presidente do Vasco, Roberto Dinamite elogiou o novo técnico Marcelo Oliveira
Hilton Mattos
O presidente do Vasco, Roberto Dinamite elogiou o novo técnico Marcelo Oliveira

"Tudo o que ele fez no Coritiba o credenciou para isso. As campanhas na Copa do Brasil e outros campeonatos fizeram com que o Marcelo Oliveira fosse uma escolha natural para substituir o Cristovão Borges. A saída dele deixou uma lacuna grande no Vasco, e esperamos que isso possa ser resolvido com a chegada do novo treinador. A diretoria vai dar todo o respaldo para o trabalho do Marcelo Oliveira", disse.

Leia mais:  Vasco contrata Marcelo Oliveira para vaga deixada por Cristóvão Borges

Dinamite também falou sobre a saída do vice de futebol, José Hamilton Mandarino. O presidente tentou minimizar o fato, mas não escondeu a irritação pelo fato de o dirigente ter anunciado sua demissão por meio de uma carta.

"Meu foco está muito voltado ao futebol. O Mandarino era nosso vice de futebol e nos ajudou muito neste processo. Eu só gostaria de falar isso pessoalmente e não por carta. É uma decisão que temos que respeitar. Todos que estão no Vasco querem ajudar o clube", declarou.

Para o lugar de Mandarino, a tendência é de que o nome saia entre Fred Lopes, atual vice de patrimônio, ou Antonio Peralta, vice-presidente geral. De qualquer maneira, ainda sem a vice-presidência de futebol oficialmente definida, o Vasco enfrenta o Palmeiras em São Januário às 22 horas (de Brasília) desta quarta.

*Com Gazeta