Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Criticado na Argentina, Messi destaca importância de não perder fora de casa

Depois de boas atuações com a camisa argentina, atacante do Barça voltou a ser criticado após empate sem gols com o Peru

EFE |

EFE

AFP
Messi é empurrado por Ramirez em duelo pelas Eliminatórias

Lionel Messi deixou de lado a lamentação pelo empate da Argentina em 1 a 1 contra os peruanos, na noite desta terça-feira, em Lima, e exaltou que é positivo o fato de sua seleção não ter sido derrotada, na partida pela oitava rodada das Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2014.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Sabíamos que ia ser duro, foi um jogo travado. O gramado estava ruim, mas isso era para os dois. O positivo é que não perdemos, é importante não perder fora e em casa deve-se ganhar sempre", disse o camisa 10.

Leia mais: Inglaterra anuncia 2 jogos contra Brasil e minitour pela América do Sul em 2013

O meia-atacante admitiu que a delegação argentina deixa Lima decepcionada. "Vamos irritados porque não conseguimos ganhar, nem fazer nosso jogo. Caímos no jogo deles, mas o importante é que seguimos no topo", comentou Messi.

Veja também: Sem Van Persie, Arsenal busca Drogba, diz jornal inglês

Mesmo com o tropeço na capital peruana, a seleção argentina segue líder das Eliminatórias, agora com 14 pontos ganhos, um a mais que as seleções da Colômbia e Equador. O tom de conformidade com o resultado que o jogador mostrou não é o mesmo com que a imprensa argentina repercutiu a atuação do astro da seleção e do Barcelona.

E ainda: Barrado em Angola, Rivaldo se revolta e cogita aposentadoria

Nesta quarta-feira muitos jornais criticam a atuação do meia-atacante na partida. Segundo o "Olé", Messi esteve "passivo. Se deixou esconder pela marcação cerrada do Peru. Não teve a iniciativa de se movimentar pelas pontas". Já o jornal "La Nación" foi mais crítico com relação ao craque. "Leo não brilhou e mostrou talvez seu ponto mais baixo no ano com a camisa argentina, depois de marcar gols nos últimos seis jogos", aponta a publicação.

Leia tudo sobre: futebol mundialmessiargentinaeliminatórias da copa

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG