Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Corinthians tenta esquecer o Palmeiras em duelo contra a Ponte Preta

Depois do triunfo diante do Grêmio, a expectativa no Corinthians é de mais um bom resultado no Campeonato Brasileiro

iG São Paulo * |

Gazeta Press
Recuperado de contusão, o atacante Emerson Sheik vai reforçar o Corinthians

Os clássicos já foram definidos pelo técnico Tite como "campeonatos à parte". O Corinthians , inclusive, enfrentará o Palmeiras no fim de semana, mas a ordem agora é esquecer o clássico para se concentrar no duelo contra a Ponte Preta , nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), no Pacaembu.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Depois do triunfo diante do Grêmio, a expectativa no Corinthians é de mais um bom resultado no Campeonato Brasileiro, desta vez diante de uma equipe que não figura entre os líderes da competição. O volante Guilherme reforça a intenção do elenco de ignorar o clássico até o confronto com a Ponte Preta.

"Nós estamos pensando mais na Ponte. Todo mundo estará à disposição contra o Palmeiras, mas o primeiro passo é sair com a vitória nesta quarta. Sabemos que a torcida corintiana vai lotar o Pacaembu", ponderou.

Leia mais:  Construtora descarta antecipar prazo das obras do estádio em Itaquera

O meio-campista será titular mais uma vez na equipe de Tite, pois Paulinho voltou lesionado da Seleção Brasileira e só poderá ser escalado no fim de semana. Tite também não conta com o outro volante titular, Ralf, que cumpre suspensão automática no duelo com a Ponte. Edenílson fica com o posto.

O argentino Martínez é mais um fora pelo acúmulo de três cartões amarelos. Em contrapartida, o técnico tem novamente seu goleiro titular, Cássio, que estava servindo à seleção. Quem também está de volta é o zagueiro Chicão, depois de ter cumprido suspensão. Pelo mesmo motivo, Douglas fica mais uma vez à disposição do comandante. A grande novidade é a entrada de Emerson no ataque.

Veja também:  Sheik se recupera e será a novidade do Corinthians diante da Ponte

"O Corinthians quer fazer seu melhor sempre e usa toda a força máxima que tiver. Queremos fazer um grande jogo, para conseguirmos o resultado nesta rodada também", afirmou o treinador.

Corinthians e Ponte Preta possuem 31 pontos no Brasileirão, mas o time da capital leva vantagem nos critérios de desempate e, por isso, ocupa a nona posição, uma acima da equipe de Campinas.

No elenco do interior, o zagueiro Ferron se apega ao retrospecto de cinco rodadas sem derrotas e quer comprovar a fase positiva contra o Corinthians. Para conseguir o resultado positivo, o atleta explica que a Ponte precisa manter a raça apresentada nas partidas anteriores.

Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

"É muito bom o momento que estamos vivendo, ainda mais agora, tratando-se de segundo turno. O mais importante de tudo é que a equipe voltou a ter aquela pegada, a cara de time lutador. Além disso, não podemos perder o foco. Temos de manter os pés no chão, pois é um campeonato muito difícil", avaliou.

O técnico Gilson Kleina terá os retornos de Edson Bastos e Cicinho, que retomam seus respectivos postos na equipe titular. Por outro lado, Giancarlo sentiu um incômodo muscular no último treino antes do jogo e virou dúvida, podendo ser substituído por Roger.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS X PONTE PRETA

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 12 de setembro de 2012, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Braghetto (SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis e Bruno Salgado Rizo (ambos de SP)

CORINTHIANS: Cássio; Alessandro, Chicão, Paulo André e Fábio Santos; Guilherme, Edenílson, Douglas e Danilo; Romarinho e Emerson
Técnico: Tite

PONTE PRETA: Edson Bastos; Tiago Alves, Ferron e Diego Sacoman; Cicinho, Baraka, Renê Júnior, Marcinho, Nikão e Uendel; Giancarlo (Roger)
Técnico: Gilson Kleina

* com Gazeta

Leia tudo sobre: corinthiansponte pretabrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG