Paulistas derrotaram paranaenses, mas seguem na zona de rebaixamento da Série B, com 22 pontos

A missão do Guaratinguetá neste Brasileiro da Série B ainda é difícil, mas o desempenho do centroavante Alemão voltou a dar esperança ao clube do interior paulista na competição. Com a necessidade de diminuir uma larga diferença para fora da zona do rebaixamento, o atacante voltou a se destacar e anotou os dois gols na vitória por 2 a 0 sobre o Paraná, em São José dos Campos.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Equipe paulista venceu os paranaenses nesta terça
Futura Press
Equipe paulista venceu os paranaenses nesta terça

O resultado leva o time paulista para os 22 pontos, na 17ª colocação, e deixa a diferença para o CRB - primeiro time fora da degola -, cair para cinco. Os alagoanos foram goleados por 4 a 1 pelo Atlético-PR, nesta terça-feira, e ficaram estagnados nos 27. Já o Paraná segue nas posições intermediárias e vê suas ambições cada vez mais distantes da realidade nesta temporada.

O Jogo
Apesar de os dois times não apresentarem grande movimentação no início do confronto, o atacante Alemão chamou a responsabilidade para si logo aos sete minutos da etapa inicial e completou o cruzamento rasteiro de Leandrinho para o fundo das redes. O gol serviu para o técnico Carlos Octávio recuar todo o seu time e segurar a vantagem até o término do confronto.

Confira a classificação da Série B 

Ao neutralizar qualquer investida adversária, o Guaratinguetá chegou em duas ocasiões com Alemão, mas não aproveitou as oportunidades criadas. Quando o marcador apontava 19 minutos, o atleta tentou o chute de frente para o gol e mandou muito longe da meta paranista. Já aos 25, o jogador calibrou o pé e tirou tinta da trave com finalização dentro da área.

Sem sofrer com as ordens que Ricardinho passava aos seus comandados, os donos da casa se mantiveram firme e voltaram a pressionar no início da segunda etapa de jogo. Aos dez minutos, Alemão voltou a receber grande passe dentro da área e vacilou na hora de concluir para o gol. O defensor Amarildo conseguiu chegar na hora certa e travou o centroavante.

Os visitantes ainda tentaram responder aos 16, em boa trama construída por Lúcio Flávio e Ricardo Conceição. O volante tomou a bola passada com qualidade pelo meia e quase acertou o gol com um chute colocado. Três minutos depois, o Guaratinguetá respondeu com o insistente Leandrinho. O jogador aproveitou a sobra de jogada construída anteriormente e chutou para excelente defesa do goleiro Thiago Rodrigues.

A superioridade do Guará não fez com que o time escapasse de nova investida do Paraná, facilmente defendida pelo goleiro Saulo, aos 27 minutos. O tiro para o gol poderia significar o esboço de uma reação dos visitantes, mas não apagou a ânsia de vencer do atacante Alemão. O atleta voltou a infernizar a zaga paranista, aos 33, e aproveitou o cruzamento de Leandrinho para cabecear com força, sem chances de defesa.

A nova vantagem no marcador recolocou o Paraná na partida e exigiu a atenção da defesa paulista para evitar qualquer ameaça. Aos 37, Marquinhos tentou aproveitar a indefinição da zaga para mandar no gol e pegou muito mal na bola. Já aos 41, Wellington Silva recebeu cruzamento de Fernandinho e cabeceou por cima a última chance criada no confronto.


FICHA TÉCNICA
GUARATINGUETÁ 2 X 0 PARANÁ

Local: Estádio Martins Pereira, em São José Campos (SP).
Data: 11 de setembro de 2012, terça-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Wagner Reway (MT)
Assistentes: Lincoln Ribeiro (MT) Taques e Marconi Helbert Vieira (MG)
Cartões Amarelos: Igor e Jonatas Belusso (Guaratinguetá); Arthur (Paraná)

GOL:
GUARATINGUETÁ : Alemão, aos sete minutos do primeiro tempo e aos 33 do segundo tempo

GUARATINGUETÁ: Saulo; Leandro Silva, Baggio, Igor e Renato Peixe; Jonatan, Marcinho (Jonatas Belusso), Keninha (Lenílson), Leandrinho e Júlio César (Bruno Formigoni); Alemão
Técnico: Carlos Octávio

PARANÁ: Thiago Rodrigues; Ângelo, Amarildo, Alex Alves e Vandinho (Marquinhos); Wendell Borges (Wellington Silva), Cambará (Geraldo), Ricardo Conceição, Lúcio Flávio, Fernandinho e Arthur
Técnico: Ricardinho

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.