Treinador diz que base do time está definida e pouca coisa deve mudar até o Mundial

As vaias, o futebol fraco e o placar magro para vencer a 74ª colocada do ranking da Fifa não foram suficientes para Mano Menezes tomar um novo rumo na seleção brasileira. O técnico considera que o time base da atual convocação seguirá formando sua equipe principal.

Leia também: Mano prevê mais dificuldades contra a China do que contra a África do Sul

"Temos uma distância a percorrer. Estou tendo cuidado de fazer isso paulatinamente, degrau por degrau. Exatamente para que não se sofra uma queda brusca e chega à conclusão de que ninguém serve. A base dos jogadores que vão para a Copa estão aqui", disse o treinador.

Mano Menezes não descarta novos nomes, contudo. "Pode ter um, dois, três diferentes lá na frente? Pode. Porque o futebol brasileiro tem condição para isso. Mas é decisão para se tomar na hora certa", avisou Mano Menezes, que ouviu a torcida são-paulina pedir Luís Fabiano.

"Se você me perguntasse se somos os melhores do mundo no momento, diria que não. Preciso ser realista e já disse isso outras vezes", encerrou Mano Menezes.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.