Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Fábio Koff anuncia que pretende voltar à presidência do Grêmio

Dirigente mais vitorioso do clube confirma que será candidato à sucessão de Paulo Odono nas eleições do final do ano

iG Porto Alegre * |

Gazeta Press
Fábio Koff concorrerá à presidência do Grêmio

O dirigente mais vitorioso da história do Grêmio está disposto a ser novamente mandatário do clube. Nesta terça-feira, em entrevista à Rádio Gaúcha , Fábio Koff anunciou que será candidato à sucessão de Paulo Odone na presidência do clube nas eleições que ocorrerão no final do ano.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Não tenho empecilho no momento, pois o Clube dos 13 não tem mais razão de ser. Vou me dedicar totalmente ao Grêmio, como sempre fiz. Sempre fui presidente do Grêmio por 24 horas, não sei fazer duas coisas ao mesmo tempo, e será assim novamente. Felizmente chego com uma cabeça boa e muita saúde. É uma honra ser um candidato que pode alimentar chances de vitória. Acredito que o Grêmio pode figurar entre os maiores clubes do mundo", afirmou Koff, 81 anos.

Acompanhe o Brasileirão em tempo real e com estatísticas no aplicativo iG Futebol

Fábio Koff teve duas passagens pela presidência do Grêmio. A primeira foi nos anos de 1982 e 1983. A segunda, entre 1993 e 1996. Nestes seis anos somados, o clube conquistou duas Libertadores (1983 e 1995), um Mundial Interclubes (1983), um Campeonato Brasileiro (1996) e uma Copa do Brasil (1994).

Se voltar à presidência do Grêmio, Koff falou que pretende dar um choque de gestão e tornar o clube um precursor no cenário brasileiro deste novo modelo de administração do futebol. No entanto, elogiou o atual momento do futebol do clube, inclusive pelo trabalho do técnico Vanderlei Luxemburgo.

Ainda não está definido qual será o candidato da situação à presidência gremista. Não descartada a possibilidade de Odone tentar a reeleição. O primeiro turno da eleição ocorrerá no próximo dia 25, onde apenas os conselheiros votam. Quem obtiver ao menos 20% dos votos estará classificado para o segundo turno, onde poderão votar cerca de 40 mil sócios, no dia 20 de outubro.

Entre para a torcida virtual do Grêmio

*Com Gazeta

Leia tudo sobre: genetgrêmiofutebolfábio koffpresidenteretornoeleições

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG