Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Grêmio e Cruzeiro perdem ações trabalhistas e terão que indenizar atletas

Lateral direito Patrício vai receber da equipe gaúcha, enquanto goleiro Lauro será compensado pelos mineiros

Francisco De Laurentiis - iG São Paulo |

Bem na tabela do Campeonato Brasileiro , Grêmio e Cruzeiro começaram a semana com péssimas notícias para os departamentos financeiros. O TST (Tribunal Superior do Trabalho) condenou os clubes a indenizarem dois ex-jogadores por falta de pagamento de direitos de imagem relativos a competições disputadas entre 2005 e 2007.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros internautas

Getty Images
Goleiro Lauro vai receber indenização do Cruzeiro

O clube gaúcho terá que pagar valor não divulgado ao lateral direito Patrício (que atuou no Olímpico em 2001 e entre 2005 e 2007) por sua participação nos Campeonatos Gaúcho e Brasileiro de 2005, 2006 e 2007, na Copa do Brasil de 2006 e na Libertadores de 2007. Já a equipe mineira terá que ressarcir o goleiro Lauro (atualmente na Ponte Preta ) em relação aos Campeonatos Mineiro e Brasileiro e Copas Sul-Americanas de 2006 e 2007, além da Copa do Brasil de 2006.

VEJA A CLASSIFICAÇÃO DO BRASILEIRO

A decisão foi tomada porque o TST considerou inválido acordo firmado em 2000 entre Clube dos 13, CBF (Confederação Brasileira de Futebol), federações estaduais e sindicatos de atletas profissionais para reduzir de 20% para 5% o percentual a ser pago aos jogadores pelos direitos de imagem. O principal argumento foi o fato de, à época do acordo, a redação da Lei nº 9.615/1988 (a Lei Pelé) fixar em 20% o percentual mínimo de direito de imagem a ser pago aos atletas profissionais.

Twitter do iG Esporte: Siga e fique por dentro de todas as notícias sobre esportes

Patrício e Lauro alegaram não terem recebido sequer os 5%, pois o valor pago pelos clubes teria sofrido descontos antes de ser repassado aos sindicatos. Nas reclamações trabalhistas, os jogadores pediram também as diferenças decorrentes desses descontos. Com isso, os clubes foram condenados a pagar as diferenças suprimidas na redução de 20% para 5% feita em 2000.

Leia mais notícias sobre Grêmio e Cruzeiro no iG Esporte

Campeão da Série B e bicampeão gaúcho pelo Grêmio, Patrício tem 37 anos e está sem clube desde que deixou o Caxias, em 2010. Já Lauro, de 31 anos, foi campeão mineiro em 2006 pelo Cruzeiro e atualmente está emprestado à Ponte Preta, tendo vínculo com o Internacional.

Leia tudo sobre: GrêmioCruzeiro

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG