Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Luxemburgo critica árbitro, mas puxa orelha de Kleber por expulsão

Jogador levou o cartão vermelho com 15 minutos de jogo contra o Palmeiras, mas Grêmio segurou o empate

Gazeta |

Futura Press
Kleber recebe o cartão vermelho no início da partida, no Pacaembu

O técnico Vanderlei Luxemburgo deu um puxão de orelha em Kleber pela expulsão aos 15 minutos do primeiro tempo do empate do Grêmio contra o Palmeiras , neste sábado, no Pacaembu. O técnico questionou os critérios adotados pelo árbitro Sandro Meira Ricci na hora de excluir seu atleta, mas criticou o "Gladiador" pelo ocorrido.

Comente esta notícia e deixe seu recado para outros torcedores

"O Kleber não pode ser expulso da maneira como foi hoje (sábado) em um jogo decisivo, por exemplo. Ele recebeu um cartão por reclamação e depois por uma falta em que merecia (o cartão)", opinou o treinador, voltando suas contestações, na sequência, para todo o quadro de arbitragem da CBF.

"Também não podemos tirar a responsabilidade do juiz. O Kleber está marcado pelas arbitragens. Da mesma forma que ele reclamou do Sandro (Meira Ricci), o Luan também reclamou e só teve a atenção chamada, não levou cartão", comparou o comandante do Tricolor gaúcho.

O empate conquistado diante do Palmeiras foi considerado positivo por Luxemburgo, diante das circunstâncias. "Conseguimos um grande resultado contra um adversário difícil. Avançamos um ponto, e já temos quatro em dois jogos no returno. Parabéns aos jogadores que ficaram em campo, correndo e lutando", reconheceu.

O elenco receberá folga neste domingo e na segunda se reapresenta visando à partida contra o Atlético-GO, quarta-feira, no Olímpico, também pelo Campeonato Brasileiro.

Leia tudo sobre: klebergremiopalmeirasvanderlei luxemburgobrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG