Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

São Paulo sobe oferta por Ganso e Santos propõe aumento salarial para segurá-lo

Clube do Morumbi aumentou proposta para R$ 28 milhões, mas santistas devem rejeitá-la

iG São Paulo |

Futura Press
Ganso vive momento conturbado no Santos

Um novo capítulo na novela envolvendo o meia Paulo Henrique Ganso , o Santos e o São Paulo foi escrito nesta quinta-feira. O clube do Morumbi aumentou sua oferta para R$ 28 milhões, mas o Santos ofereceu novo reajuste salarial para segurar o jogador.

Leia também: Torcida pressiona Ganso e picha muro pedindo a saída do meia

A primeira oferta são-paulina, de R$ 10,7 milhões , foi rejeitada pelo Santos. O clube pede no mínimo R$ 53 milhões, valor da multa rescisória do jogador, com contrato até 2015. 

Em reunião entre representantes do jogador e o Santos, o comitê de gestão santista chegou a dizer que o São Paulo havia desistido da sua contratação oferecendo novo salário a Ganso. O jogador reclama que tem um dos salários mais baixos entre os jogadores santistas

A diretoria tricolor não confirma a quantia apresentada aos santistas. Porém, do montante R$ 28 milhões, o Santos receberia R$ 12,6 milhões, por ser detentor de apenas 45% dos direitos do jogador. O grupo DIS, dono de 55% dos direitos, ficaria com o restante.

E mais:  Bahia espanta má fase e derrota o Santos em noite de mais vaias para Ganso

A tendência é que os dirigentes santistas mantenham a posição anunciada pelo presidente Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, na última semana: não negociar Paulo Henrique Ganso por uma quantia abaixo da multa rescisória para o mercado interno, avaliada em R$ 53 milhões. Nesta hipóteses, a equipe ficaria com R$ 23,8 milhões de uma hipotética transação.

Entre para a torcida virtual do seu time

Leia tudo sobre: santosgansosão paulomercado da bola

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG