Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Estreante no Bahia, Jorginho não se empolga com vitória sobre o Santos

Ex-time de Paulo Roberto Falcão abriu quatro pontos sobre o Palmeiras, primeiro da zona de rebaixamento

Gazeta |

Futura Press
Ganso disputa bola pelo alto com Souza no jogo de quarta

A vitória de virada por 3 a 1 sobre o Santos em plena Vila Belmiro, nesta quarta, animou a torcida do Bahia . Estreando com o pé direito, o técnico Jorginho ignorou o bom futebol apresentado pelo time no segundo tempo e a vantagem de quatro pontos aberta sobre o Palmeiras , primeiro time da zona de rebaixamento, e pediu cautela para a torcida baiana.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Temos que ter um pouco de calma. Ganhamos de um time muito bom, com um garoto acima da média. Mas nós erramos muito, ainda. Então nós temos que ter um pouco de pés no chão, um pouco de equilíbrio, para melhorarmos muito e sairmos dessa posição incômoda", afirma.

Leia mais: Após vaias e protestos, Muricy promete apoio a Ganso: “Não vou virar as costas"

Atual 16º colocado, com 20 pontos, o Bahia deve encontrar dificuldades na luta contra o rebaixamento até a última rodada do Campeonato Brasileiro, segundo Jorginho. "A cada jogo nós vamos tentar melhorar. É possível, mas é muito difícil. O tempo é curto, o cansaço e as contusões atrapalham e não temos muito tempo para recuperar e treinar os atletas", analisa.

Veja também: Torcida santista volta a pressionar Ganso e picha muro pedindo a saída do meia

O treinador ainda pediu a consideração da imprensa com o elenco tricolor. Nos últimos dias, jogadores e dirigentes do Bahia reclamaram das seguidas críticas direcionados ao time.

E ainda: Triste com ofensas a Ganso, Neymar defende amigo e cobra definição

"Vamos precisar de vocês da imprensa, que formam opinião. Vocês tem que entender que somos Bahia contra o resto do Brasil, e nós temos que fazer do Bahia forte. Muitas vezes um soco não é tão forte como uma palavra. Isso (críticas) pode desmoronar um time que está representando um estado", diz, reiterando a importância de seu atual clube para o futebol nacional. "O Bahia não pode cair. É um time que já foi campeão brasileiro e que tem condições de voltar a ser o que era e conquistar uma Libertadores e um Mundial, por que não? O estado da Bahia é um dos mais importantes do Brasil", conclui.

Entre para a torcida virtual do Bahia:

Leia tudo sobre: BahiaFutebolJorginhobrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG