Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Mesmo com pressão "até na missa", Marin assegura Mano até a Copa 2014

Presidente da CBF diz que vem recebendo pedidos para trocar treinador, mas descarta alterações

iG São Paulo | - Atualizada às

O presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), José Maria Marin, reiterou nesta quarta-feira seu apoio ao técnico da seleção brasileira , Mano Menezes, apesar de admitir que recebe constantes pedidos de torcedores para que ele demita o treinador.

Marin deveria trocar o técnico da seleção brasileira? Opine!

Getty Images
Marin e Mano Menezes: relação segue boa

"Em todo lugar que passo, confesso, me apontam um técnico. Cada brasileiro tem um. No restaurante, na igreja e até na missa vieram me falar de técnico", disse o dirigente, em tom de brincadeira, durante entrevista coletiva após visita à AACD (Associação de Assistência à Criança com Deficiência), em São Paulo.

VEJA:  Presidente da CBF abre as portas para volta de Ronaldinho à seleção

Apesar das críticas, contudo, Marin assegurou Mano no comando da seleção da Copa de 2014 , apesar da pressão contra o treinador ter aumentado com a perda da final dos Jogos Olímpicos de Londres , contra o México.

MAIS:  CBF prestará homenagem a campeões de 1958 em amistoso de 7 de setembro

Em setembro, a seleção brasileira volta a campo para disputar dois amistosos, no dia 7 de setembro contra a África do Sul em São Paulo, e três dias depois contra a seleção chinesa, em Recife.

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG