Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Conte tenta recurso contra suspensão por envolvimento em escândalo na Itália

Técnico da Juventus faz nova tentativa para diminuir pena 10 meses longe dos gramados

iG São Paulo |

AP
Conte não acha que punição foi justa

Antonio Conte, técnico que conduziu a Juventus ao título italiano da última tempodada, recorreu nesta quarta-feira pela segunda vez da suspensão por 10 meses que recebeu pelo envolvimento em rede de combinação de resultados e fraude em apostas esportivas que abalou o futebol italiano nos últimos anos.

Juventus denuncia "caça às bruxas" após confirmação da pena de Antonio Conte

A punição ao treinador foi confirmada em segunda instância no último dia 22 de agosto. Hoje, o recurso de Conte foi apresentado ao Tribunal Arbitral Desportivo da Itália.

Suspenso, técnico da Juventus afirma ser inocente e diz que punição é "desgraça"

No texto, Conte solicita que sua apelação seja tramitada em urgência e que sua pena seja suspensa até que nova decisão seja tomada. O técnico da Juventus foi condenado em primeira instância a 10 meses de suspensão por não informar as autoridades da combinação de dois jogos, quando era treinador do Siena, na temporada 2010-2011, contra Novara e Albinoleffe, na segunda divisão do Campeonato Italiano.

"Sou objeto de acusações caluniosas para me transformar em uma cara pública de um escândalo de apostas no futebol", declarou o treinador, que viu o Comitê Disciplinar da FIGC (Federação Italiana de Futebol, na sigla em italiano) negar sua apelação contra a punição na última quarta.

Leia tudo sobre: juventusantonio conteitália

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG