Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Caio Júnior não aguenta pressão e deixa o comando do Bahia

A última partida do técnico à frente do time de Salvador foi realizada no último domingo, em Pituaçu, no empate por 1 a 1 contra o Atlético-GO

Gazeta |

Divulgação
Caio Júnior não treina mais o Bahia

O técnico Caio Júnior não resistiu à pressão imposta pelo torcedor do Bahia e se reuniu com a diretoria para anunciar a sua demissão, nesta segunda-feira. O treinador não conseguiu cumprir com as metas estipuladas para este Campeonato Brasileiro e obrigou os dirigentes da equipe a correrem contra o tempo na busca por um novo comandante.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A última partida do técnico à frente do Bahia foi realizada no último domingo, em Pituaçu. O clube não conteve o ímpeto do Atlético-GO e cedeu o empate por 1 a 1 durante o segundo tempo do confronto. O duelo serviu para a equipe somar mais um ponto e jogar o Palmeiras para a zona do rebaixamento.

Contratado para ser o substituto de Paulo Roberto Falcão, o treinador ficou apenas dez jogos no comando do Bahia e obteve um aproveitamento de 30%. Contudo, Caio Júnior não conseguiu levar a equipe adiante na Copa Sul-Americana e acabou abandonando o clube sem somar os pontos que projetava para este primeiro turno do Brasileiro.

E MAIS:  Bahia leva empate do Atlético-GO no fim, mas deixa a zona da degola

Sem divulgar nomes para o posto deixado pelo técnico, a diretoria trabalha em sigilo para avaliar quem de fato interessará ao clube nesta altura da temporada. A próxima partida do Bahia será nesta quarta-feira, contra o Santos, na Vila Belmiro. O clube contabiliza 17 pontos em 19 jogos e aparece na 16ª colocação na tabela de classificação.

Leia tudo sobre: BahiaCaio JúniorBrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG