Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Marcos pede reação para Palmeiras não reviver rebaixamento de 2002

Ex-goleiro relembra má fase que levou time à série B, mas confia no elenco e acredita na recuperação do Palmeiras

Gazeta |

Gazeta Press
O ex-goleiro Marcos atua com embaixador do Palmeiras

Jogador do Palmeiras por 20 anos, Marcos agora é apenas embaixador e torcedor do clube, desde que se aposentou, no início de 2012. Presente em conquistas importantes do time, como a Libertadores em 1999, a Copa do Brasil em 1998, e o Paulista em 2008, o ex-camisa 12 também passou pelo rebaixamento à Série B, em 2002 e quer o time longe de viver novamente a situação.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

De volta após o título da Copa do Mundo com a seleção brasileira, o arqueiro não conseguiu ajudar o Palmeiras a melhorar no Brasileiro e em 2003 a equipe rodou o país para vencer a divisão de acesso e retornar à elite nacional. Membro de todo este trajeto, que contou com a recusa de uma proposta do Arsenal, da Inglaterra, para jogar a Segunda Divisão pelo clube que torce, Marcos deixou um alerta ao time. "Tem que ficar esperto", constatou o ex-jogador, durante participação no programa Mesa Redonda, da TV Gazeta.

Leia mais: Vindo da base, João Denoni agrada, mas Felipão mantém discurso cauteloso

Embora tenha elogiado o atual elenco e mantenha-se otimista, Marcos avisou que a reação não deve ser deixada para a reta final, pois se o time chegar nas últimas rodadas precisando de resultados para manter-se na Série A, pode se complicar.

Veja também: Assista todos os gols da rodada de clássicos que fechou o 1º turno

"O time está jogando bem, brigando, você vê que todos querem ganhar, mas não está acontecendo. A gente torce para que mude o mais rápido possível. O Brasileiro é difícil e o Palmeiras vai ter problemas, mas tem um bom time e pelo amor de Deus, nem os mais pessimistas dos palmeirenses pensam nisso. Uma hora vai sair desta situação", disse.

E ainda: Palmeiras completa 98 anos cercado de incertezas

No início do campeonato, a disputa da Copa do Brasil fez com que o time de Luiz Felipe Scolari desse preferência a esta competição, tida como um atalho para a disputa da Libertadores, em 2013. Após conseguir o feito, o Palmeiras passou a sofrer com uma série de desfalques, mas ainda assim passou para a fase internacional da Sul-americana.

Pelo Brasileiro, o time não consegue engrenar e voltou à zona de rebaixamento após um turno completo, no domingo, dia do aniversário de 98 anos do clube. Com 16 pontos em 19 partidas, a equipe está na 17ª colocação e volta a campo nesta quarta-feira, para enfrentar a Portuguesa, no Canindé.

Entre para a torcida virtual do Palmeiras

Leia tudo sobre: palmeirasrebaixamentomarcosbrasileiro 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG