Elenco e comissão técnica do time da capital paulista concordaram que o rendimento na derrota de 2 a 1 contra a Ponte Preta foi decepcionante

A Portuguesa amargou o fim da invencibilidade de oito rodadas no Campeonato Brasileiro. Na derrota deste sábado à noite contra a Ponte Preta , elenco e comissão técnica do time da capital paulista concordaram: o rendimento em campo foi decepcionante.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Não jogamos o futebol do nível das partidas anteriores, principalmente na marcação, levamos gols bobos. Também tínhamos espaço para trabalhar melhor as jogadas e não aproveitamos. Infelizmente não jogamos no mesmo nível de antes", lamentou o técnico Geninho.

Leia mais:  Giancarlo brilha, reabilita Ponte e derruba invencibilidade da Portuguesa

Homem de confiança do treinador em campo, o goleiro Dida concordou com a análise do comandante. Sem força no contra-ataque, a Portuguesa acabou pressionada pela Ponte Preta principalmente na etapa complementar e foi castigada com o gol de Giancarlo que definiu o confronto aos 38 minutos da etapa complementar.

"Não foi o jogo que esperávamos, jogamos bem abaixo, dava para ter dado um pouco de gás no segundo tempo, não sei se cansamos, não teve tanto toque de bola, com muitos erros de passe", disse Dida.

Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

A Portuguesa encerrou o primeiro turno do Campeonato Brasileiro na 14ª colocação, com 22 pontos. Agora, direciona suas atenções para o clássico de quarta-feira contra o Palmeiras, no estádio do Canindé.

Veja fotos das partidas da 19ª rodada do Brasileirão

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.