Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Giancarlo brilha, reabilita Ponte e derruba invencibilidade da Portuguesa

Na estreia como titular, o atacante marcou os dois gols da vitória da equipe de Campinas

Gazeta | - Atualizada às

A estreia de Giancarlo como titular da Ponte Preta não poderia ser melhor: o atacante marcou dois gols e foi decisivo para a reabilitação de sua equipe. Azar da Portuguesa, derrotada na noite deste sábado por 2 a 1 no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, no fechamento da participação dos dois clubes no primeiro turno do Campeonato Brasileiro.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Com o resultado, a Ponte Preta acaba com uma série de quatro rodadas sem vitória, chega a 23 pontos e assume o 13º lugar. A Portuguesa, por sua vez, perde a invencibilidade de oito jogos, segue com 22 pontos e cai para a 14ª colocação.

Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

As duas equipes voltam a jogar na quarta-feira, a partir das 20h30, na abertura do returno do Campeonato Brasileiro. A Portuguesa disputa o clássico contra o Palmeiras, no Canindé, enquanto a Ponte Preta enfrenta o líder Atlético-MG, no estádio Independência.

Futura Press
Giancarlo (no meio) comemora com seus companheiros o primeiro gol da Ponte Preta diante da Portuguesa

O Jogo

A Portuguesa ameaçou dominar as ações ao criar a primeira chance, no minuto inicial. O arremate de Moisés raspou o travessão. Mas a Ponte Preta rapidamente avançou as suas linhas e começou a atacar.

Com cinco minutos, a Ponte abriu o placar, em um golaço. Cicinho fez cobrança de lateral na área, na direção de Giancarlo. De costas para o gol, o atacante evitou a antecipação de Gustavo e finalizou com estilo, com uma espécie de voleio, sem chances para Dida.

A situação da Portuguesa ficou ainda mais difícil com a contusão de Heverton. Em um lance no meio-campo, o talentoso armador sentiu uma contusão na região posterior da coxa direita. Acabou substituído imediatamente por Diguinho.

Depois de alguns instantes de desorganização, a Portuguesa melhorou e conseguiu o empate através de uma bola parada. Ivan caprichou na cobrança de falta na esquerda, a bola passou por um bolo de jogadores e encontrou Bruno Mineiro, que completou de cabeça no segundo pau.

Futura Press
O atacante Bruno Mineiro tenta passar pela marcação da defesa da Ponte Preta em Campinas

Confiante, a Portuguesa ficou perto de virar aos 30 minutos. Diguinho recebeu na área, cortou um adversário e chutou firme. A bola passou na frente da meta da Ponte Preta e não entrou. Ao fim do primeiro tempo, a torcida da Macaca estava insatisfeita e pedia “raça”.

Para o segundo tempo, a Portuguesa adotou uma estratégia mais paciente no toque de bola. As jogadas eram construídas com número maior de passes, sem grande precipitação. Todavia, faltava objetividade.

Enquanto isso, a Ponte Preta seguia pressionada. Uma alteração aos 13 minutos buscou melhorar a criação dos donos da casa: Marcinho deixou o gramado vaiado para a entrada de Nikão. Na primeira participação da novidade da Macaca quase saiu o gol: Dida salvou o arremate.

A Ponte Preta acelerava as ações. Aos 19 minutos, a bola aérea da Macaca funcionou com a cabeçada de Giancarlo. Desta vez, Dida ganhou o duelo com o centroavante do time de Campinas.

No final, a Ponte Preta chegou a trocar o esquema em busca da vitória, com as entradas de Bruno Sabino e Luan. A insistência deu resultado. Aos 38 minutos, Giancarlo concluiu de cabeça o cruzamento da direita e deu a vitória aos donos da casa.

Veja fotos da 19ª rodada do Campeonato Brasileiro:


FICHA TÉCNICA:
PONTE PRETA 2 X 1 PORTUGUESA

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP)
Data: 25 de agosto de 2012 (sábado)
Horário: 21 horas (horário de Brasília)
Renda: R$ 23.925,00
Público: 3.376 pagantes
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)
Assistentes: Carlos Augusto Nogueira Júnior e Rogério Pablos Zanardo(SP)
Cartões amarelos: Giancarlo, Cicinho e Marcinho (Ponte Preta); Valdomiro e Rogério (Portuguesa)
Gols:
PONTE PRETA: Giancarlo, aos cinco minutos do primeiro temo e aos 38 minutos do segundo tempo.
PORTUGUESA: Bruno Mineiro, aos 23 minutos do primeiro tempo.

PONTE PRETA: Edson Bastos; Tiago Alves (Bruno Sabino), Ferron e Diego Sacoman; Cicinho, Baraka, Ricardinho, Marcinho (Nikão) e Uendel; Rildo (Luan) e Giancarlo
Técnico: Juninho (auxiliar)

PORTUGUESA: Dida; Ivan, Gustavo, Valdomiro e Rogério; Ferdinando, Léo Silva, Héverton (Diguinho) e Moisés (Willian Xavier); Ananias e Bruno Mineiro (Diego Viana)
Técnico: Geninho.

Leia tudo sobre: Ponte PretaPortuguesaBrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG